Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Dupla Repsol Honda na busca da vitória em Phillip Island

Dupla Repsol Honda na busca da vitória em Phillip Island

Com cinco vitórias nas últimas seis corridas por parte de Dani Pedrosa e um pódio para Casey Stoner em Sepang, a Repsol Honda Team ruma a Phillip Island para o Grande Prémio da Austrália apostada em terminar a sequência das três corrida a Oriente com nota alta.

 

Pedrosa está a lutar com todas as forças para manter viva a luta pelo título e Stoner tem por objectivo assinar a sexta vitórias consecutiva em casa antes de deixar a competição após Valência. Os seis triunfos de Pedrosa e 14 pódios em 16 corridas colocam-no em segundo no campeonato, a 23 pontos de Lorenzo e ainda com 50 em disputa nas duas últimas corridas.
 
Será também um fim-de-semana especial em Phillip Island para o companheiro de equipa Casey Stoner. O australiano está de olhos postos no regresso à acção no Grande Prémio da Austrália depois de se ter lesionado em Indianápolis, em Agosto. Stoner conseguiu voltar duas jornadas mais cedo, em Motegi, reclamando um quinto posto e saltou para o pódio em Sepang, no domingo passado, onde foi terceiro. Contudo, não é segredo que seria muito especial para Stoner vencer a última corrida da sua carreira de MotoGP em Phillip Island, traçado em que tem dominado nos últimos cinco anos.
 
Dani Pedrosa
"Phillip Island é uma pista fantástica, em especial nesta máquinas onde é normal assistirmos a derrapagens traseiras. O desenho do circuito faz com que as corridas sejam muito agradáveis, pelo que espero ter sorte e que a moto também esteja a funcionar bem lá. Tenho boas memórias dos meus campeonatos de 2004 e 2005 e espero fazer uma boa corrida.”
 
Casey Stoner
"Lutámos muito com a afinação da moto nas duas últimas corridas e estou muito desiludido com isto. Encontramos sempre o nosso ritmo em Phillip Island, mas este ano não espera que surja de forma fácil. Felizmente a pista é para a esquerda e estamos a ter menos problemas de vibrações em pistas nesta direcção. Também não há muitas curvas apertadas, pelo que a minha perna deve conseguir lidar com o traçado um pouco melhor. Ainda não estou nada perto dos 100% em termos físicos e ainda preciso de tempo para voltar ao pleno da força, por isso não sei bem o que esperar deste fim-de-semana; vamos dar o nosso melhor e ver o que acontece.”
 
Comunicado de imprensa Repsol Honda Team.

Tags:
MotoGP, 2012, MALAYSIAN MOTORCYCLE GRAND PRIX, Casey Stoner, Dani Pedrosa, Repsol Honda Team

Outras actualizações que o podem interessar ›