Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Bautista fala das "melhorias constantes" na Malásia

Bautista fala das "melhorias constantes" na Malásia

Desejoso por testar num circuito diferente depois de muito ter rodado em Sepang nesta pré-época, Álvaro Bautista sentiu-se muito encorajado pelos contínuos progressos da GO&FUN Honda Gresini. O espanhol foi quarto na terça-feira e terminou a semana em sexto da geral a menos de oito décimos da frente.

Bautista está a ameaçar tornar-se numa sólida presença nos seis primeiros para Gresini nesta época, isto depois de esta semana ter assinado uma marca de 2m01,078s.

 
“Penso que o balanço é bom para nós porque melhorámos constantemente do primeiro ao último dia,” explicou numa entrevista de vídeo com o motogp.com. “Em particular, sinto uma melhoria com a frente da moto, mais sensações. Esta manhã colocámos na moto tudo o que testámos nos dois primeiros dias e conseguimos um bom ritmo. Penso que fizemos um bom trabalho aqui e melhorámos a nossa afinação base, pelo que acredito que podemos dar mais um passo em frente no próximo teste.”
 
Apesar dos significativos avanços o jovem de 28 teve um problema pouco usual na quinta-feira.
 
“Não sei porquê, mas o meu pé direito começou a ficar muito quente e teve de voltar para as boxes; não podia continuar em pista com aquelas temperaturas!” riu-se. “Começámos bem a tirada longa e depois, ao cabo de oito ou nove voltas, a moto começou a escorregar muito; temos de melhorar isso, mas foi muito positivo porque recolhemos muitos dados da tirada longa.”
 
Bautista estreou-se com a Gresini na época passada e reclamou dois pódios – um deles em circunstâncias emocionais no Misano World Circuit Marco Simoncelli.

Tags:
MotoGP, 2013, Alvaro Bautista, GO&FUN Honda Gresini

Outras actualizações que o podem interessar ›