Compra de bilhetes
Compra de VideoPass

Lüthi leva a cabo segunda operação bem sucedida

Tom Lüthi (Interwetten-Paddock) foi alvo de outra cirurgia na segunda-feira, a segunda desde que fracturou o braço num acidente no teste de Valência. Enquanto isso, a sua equipa está a avaliar possíveis pilotos substitutos para as duas primeiras corridas da época.

 

Lüthi lesionou-se na semana passada numa colisão com Ratthapark Wilairot (Honda Gresini Moto2), sendo avaliado pela primeira vez em Valência antes de voar para Berna para ser operado a fracturas múltiplas. A sua mais recente cirurgia, aos ligamentos da clavícula direita, decorreu sem problemas e o jovem de 26 anos não deverá necessitar de mais nenhuma intervenção.
 
“Correu tudo como planeado e o Tom pode ir para a casa hoje,” disse o Director Desportivo Terrel Thien ao motogp.com na terça-feira. “Ele teve de iniciar outros três dias de fisioterapia e está a trabalhar arduamente. Agora está a planear voltar o mais cedo possível, mas é claro que é muito difícil colocar uma data nestas coisas.”
 
“Esta deve ser a última operação; eles também operaram o ombro para acelerar a recuperação. Agora ele só tem de continuar a movimentar o cotovelo e ombro. Vai levar mais tempo que o pensado no que toca ao cotovelo, mas a recuperação está a correr bem.”
 
Confirmando que Lüthi deverá poder regressar às corridas aquando da terceira jornada em Jerez, a Interwetten está agora à procura de substitutos.
 
“Temos uma pessoa em mente,” acrescentou Thien. “Ainda nada é certo, mas temos uma pessoa em mente para o teste oficial da IRTA (em Jerez de 18 a 21 de Março) e dependendo do que fizer poderá correr por nós nas duas primeiras corridas da época. Por agora ainda estamos a negociar até segunda-feira.”
 
O motogp.com vai mantê-lo ao corrente de tudo sobre a recuperação de Tom Lüthi.

Tags:
Moto2, 2013, Thomas Luthi, Interwetten Paddock Moto2

Outras actualizações que o podem interessar ›