Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Lorenzo vence no Qatar à frente de Rossi e Márquez

Jorge Lorenzo começou a defesa do título de MotoGP™ da melhor forma possível, vencendo no domingo o Commercial Bank Grande Prémio do Qatar. Valentino Rossi recuperou de um erro para chegar ao segundo posto e Marc Márquez pisou o pódio na sua estreia.  

 

O muito aguardado início da temporada de 2013 começou iluminado pelas luzes do Losail International Circuit que celebrou o 10º aniversário de corridas de MotoGP™. O objectivo do Campeão do Mundo Jorge Lorenzo era repetir o resultado do ano passado, vencendo a corrida a partir da pole. A primeira corrida de Márquez começou do sexto posto da grelha de partida.
 
Quando as luzes se acenderam, uma partida canhão de Dani Pedrosa viu o piloto da Repsol Honda Team subir para a segunda posição na curva 1, tentando chegar perto de Lorenzo que começava a afastar-se na moto da Yamaha Factory Racing. Pelo contrário, o companheiro de equipa de Pedrosa, Márquez, partiu lento e caiu para a oitava posição.
 
Na volta 2, o piloto da Cardion AB Motoracing Karel Abraham foi o primeiro a abandonar a corrida, enquanto Márquez parecia começar a recuperar. Na volta 4, o jovem de 20 e o mais novo piloto em pista já tinha ultrapassado o homem da Ducati Team Andrea Dovizioso e, depois, passado pelo piloto da Monster Yamaha Tech 3 Cal Crutchlow, na curva 1. Lorenzo já tinha uma vantagem de 1,6 segundos para Pedrosa, margem que começou depois a aumentar com a luta que se desenhava atrás de si.
 
A meio da volta 11, Márquez envolveu-se numa luta acesa com o seu companheiro de equipa Pedrosa, com Crutchlow a aproveitar a disputa. Foi nesta altura que a sorte de Rossi parecia começar a mudar. Na primeira corrida depois de regressar à Yamaha, o italiano cometeu um erro na segunda volta, regressando à sétima posição de onde tinha partido. Tudo começou a mudar com a queda do piloto da LCR Honda MotoGP. Também abandonaram a corrida os pilotos da GO&FUN Honda Gresini Bryan Staring, da Tech 3 Bradley Smith, da Came IodaRacing Project Danilo Petrucci e o homem da NGM Mobile Forward Racing Colin Edwards, que tinha sido o melhor em CRT em Losail no ano passado.
 
Márquez ultrapassou Pedrosa na 17ª volta das 22 da corrida, deixando o adversário a lutar com Crutchlow, numa altura em que Rossi também se juntou ao grupo. O italiano passou o inglês num movimento arriscado entre Crutchlow e a ‘pit wall’, levando a que o piloto da Tech 3 falhasse a travagem e saísse de pista na curva 1. Rossi chegou depois perto de Pedrosa e Márquez na voltas 19 e 20, respectivamente, com o estreante a dar luta. Rossi acabaria por ficar na segunda posição, com Márquez a tornar-se no primeiro estreante do MotoGP™ a chegar ao pódio na primeira corrida desde que Lorenzo terminou em segundo em Losail, há cinco anos. Hoje, Lorenzo venceu com uma margem de 5,9 segundos.
 
Pedrosa and Crutchlow completaram o Top 5, seguidos pelo piloto da Gresini Álvaro Bautista, Dovizioso e Nicky Hayden aos comandos das máquinas da Ducati Team, o homem da Pramac Racing Andrea Iannone e o seu companheiro de equipa Ben Spies. A Power Electronics Aspar foi a melhor CRT, com Aleix Espargaró a terminar em 11º, batendo o seu companheiro de equipa Randy de Puniet  por 6,6 segundos.
 
O piloto da Avintia Blusens Héctor Barberá subiu do 22º lugar da grelha para a 13ª posição, depois de ter tido problemas eléctricos na qualificação. Os outros pilotos que terminaram a corrida foram o homem da PBM Yonny Hernández, o piloto da Avintia Hiroshi Aoyama, Claudio Corti (Forward), Michael Laverty (PBM) e o homem da Ioda Lukáš Pešek, que se qualificou na 15ª posição na sua estreia.
 
Dentro de duas semanas, o MotoGP™ chegará ao Circuito das Américas, em Austin, no Texas, uma das 18 rondas do Campeonato.
 

Tags:
MotoGP, 2013, RAC

Outras actualizações que o podem interessar ›