Compra de bilhetes
VideoPass purchase

COTA: Um novo circuito, um novo desafio americano

COTA: Um novo circuito, um novo desafio americano

A primeira visita do MotoGP™ ao Circuito das Américas (COTA) apresenta-se como novo desafio para pilotos e equipas de Grandes Prémios. O traçado texano torna-se agora na quarta pista americana a ser palco de eventos de Grandes Prémios.

 

O campeonato visitou os Estados Unidos pela primeira vez em 1964, quando o mundialmente famoso traçado de Daytona deu as boas-vindas à competição no mesmo fim-de-semana das Daytona 200. O formato manteve-se o mesmo no ano seguinte.
 
Após um interregno de 22 anos os Grandes Prémios voltaram aos Estados Unidos em 1988 – em Laguna Seca, na California. O traçado foi palco de seis corridas até 1994, com 1992 a ser ano de ausência. Após uma paragem de uma década, o MotoGP voltou ao popular traçado com o actual formato em que corre apenas a categoria rainha.
 
A Indianapolis Motor Speedway – outra pista de prestígio mundial – foi usada pela primeira vez para um Grande Prémio de motociclismo em 2008, tornando-se no segundo evento de MotoGP realizado no país na mesma campanha.
 
Com Laguna Seca e Indianapolis a manterem-se no calendário em 2013, os Estados Unidos torna-se no segundo país (depois de Espanha) a receber três, ou mais, jornadas de MotoGP no mesmo ano.
 
Até ao início da época foram 21 os Grandes Prémios disputados nos EUA. Daytona recebeu dois nos anos 60 e Indianapolis conta agora com cinco. Laguna Seca lidera com 15.

Tags:
MotoGP, 2013, RED BULL GRAND PRIX OF THE AMERICAS

Outras actualizações que o podem interessar ›