Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Corrida caseira de Rossi termina nas barreiras de protecção

Corrida caseira de Rossi termina nas barreiras de protecção

Valentino Rossi ficou muito desapontado por não ter terminado o Grande Prémio caseiro em consequência de toque com Álvaro Bautista na primeira volta ao traçado de Mugello neste domingo.

 

O nove vezes campeão do mundo tinha partido de sétimo da grelha, duas posições à frente de Bautista, mas ambos acabaram por terminar a corrida nas barreiras de protecção ao cabo de apenas três voltas.
 
“Infelizmente, no início tive um problema com a embraiagem, que patinou, e perdi duas ou três posições,” recorda Rossi. “Depois passei ao ataque porque tínhamos bom ritmo e estava rápido.”
 
“Na segunda curva estava do lado de fora já à frente do Bautista. Para mim, do lado de dentro ele abriu o acelerado para fechar a linha, pelo que não tinha outra posição, mas eu já estava à frente e tocou-me na bota. Tive sorte porque foi um acidente mau e bati nas protecções, mas estou bem.”
 
“Vamos voltar a tentar em Barcelona, mas é uma pena primeiro porque é Mugello, segundo porque penso que podia ter feito boa corrida e, talvez, terminar no pódio.”
 
Rossi venceu sete corridas consecutivas em Itália entre 2002 e 2008. Após a desistência de hoje ele está em 6º no Campeonato a 56 pontos da liderança, enquanto Bautista é oitavo, a mais nove pontos.

Tags:
MotoGP, 2013, GRAN PREMIO D'ITALIA TIM

Outras actualizações que o podem interessar ›