Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Edwards tira partido de alterações de afinação de última hora

Colin Edwards somou dois pontos e deu à equipa o melhor resultado de 2013 após as alterações de afinação de última hora em Mugello, no domingo, se bem que o americano ainda sente que a moto da NGM Mobile Forward Racing tem alguma falta de potência.

 

Com Edwards e o companheiro de equipa Claudio Corti a garantirem os 17º e 18º postos da grelha com as FTR-Kawasakis no sábado, a formação optou por fazer alterações no warm-up com o objectivo de melhorar o ritmo para a corrida.
 
“Penso que fiz uma partida muito boa e ao cabo de algumas voltas o Claudio apanhou-me na recta,” recordou Edwards. “Fiquei atrás dele algumas voltas, sabia que podíamos ser um pouco mais rápidos. Depois fui atrás dele e puxei o máximo que pude, passei-o, passei Laverty e depois o Hernandez. Foi uma corrida dura.”
 
“Estamos a perder. Seguir alguns destes tipos e ver como passam pelas curvas, gostava de poder largar mais os travões, mas tenho de manter carga na frente. Normalmente rodamos com uma afinação todo o fim-de-semana e fazemos pequenas alterações na manhã de domingo, mas testámos um braço oscilante totalmente novo e foi claramente melhor. Estamos sempre a testar em todas as corridas.”
 
Com Edwards a terminar em 14º e a somar pontos pela segunda vez esta época depois do Grande Prémio de Espanha, o companheiro de equipa Claudio Corti queixou-se de muitas dores depois de ter sido picado por uma abelha na corrida; o italiano acabou por desistir da prova em casa.

Tags:
MotoGP, 2013, Colin Edwards, Claudio Corti, NGM Mobile Forward Racing

Outras actualizações que o podem interessar ›