Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Planos diferentes para Rossi e Lorenzo

As estratégias vão variar para a dupla da Yamaha Factory Racing, Valentino Rossi e Jorge Lorenzo, na ronda de Assen deste fim-de-semana.

 

Rossi viaja para a Holanda optimista depois ter encontrado várias soluções durante o teste da semana passada no MotorLand Aragon.
 
“Estou muito contente com o teste de Aragão e estou desejoso por ir para Assen,” diz o nove vezes Campeão do Mundo. “As afinações que testámos foram muito positivas e agora tenho mais sensações com a moto, especialmente em travagem. Para mim é um passo importante e quero mesmo experimentar o novo acerto noutra pista.”
 
“Espero que este melhoramento me ajude também a conseguir melhor posição na grelha já que é muito importante conseguir a melhor qualificação possível. Assen é uma grande pista, adoro-a e traz-me muitas boas memórias. Vamos tentar transpor estas boas sensações com a moto e com a pista para esta jornada e melhorar os resultados.”
 
O objectivo de Lorenzo é continuar o ataque à liderança do Campeonato de Dani Pedrosa, isto depois do Campeão do Mundo ter ganho as duas últimas corridas.
 
“Bem, estou muito contente depois de ter ganho em Mugello e Montmeló – duas importantes vitórias para mim e para a equipa no que toca aos campeonatos,” começar o maiorquino. “Estivemos em muito boa forma nas duas últimas corridas e sinto-me mais forte que nunca e mesmo desejoso por vencer. Penso que demos um grande passo em frente com a moto nas duas últimas corridas para termos consistência em ritmo de corrida.”
 
“Assen foi sempre a minha pista preferida. Adoro o circuito, a história e a natureza rápida e fluída, mas também adoro a paisagem e o ambiente e sempre gostei do país. Estou muito motivado para a corrida e quero tentar dar continuidade a esta sequência vitoriosa – ainda para mais depois dos bons testes de Barcelona e Aragão, onde conseguimos melhorias para o futuro.”
 
Antes da sétima jornada do ano Lorenzo está a apenas sete pontos do líder Pedrosa (Repsol Honda Team), enquanto Rossi ocupa o quinto posto a 11 pontos de Cal Crutchlow (Monster Yamaha Tech 3).

Tags:
MotoGP, 2013, Jorge Lorenzo, Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing

Outras actualizações que o podem interessar ›