Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Torres festeja primeira vitória da carreira em Sachsenring

Jordi Torres conquistou a primeira vitória na Moto2™ no eni Motorrad Grande Prémio da Alemanha, tornando-se no quinto piloto diferente a triunfar este ano na categoria intermédia. Simone Corsi bateu Pol Espargaró na luta pelo segundo posto, enquanto o líder do Campeonato Scott Redding foi sétimo e Xavier Simeon caiu para nono depois de partir da pole.

 

No sábado Torres foi batido por muito pouco por Simeon (Desguaces La Torre Maptaq) na luta pela pole, com este último a estrear-se na primeira posição da grelha. Torres (Aspar Team Moto2) acabou por partir de segundo, enquanto Espargaró (Tuenti HP 40) tentava tirar o máximo partido da sua presença na primeira linha da grelha, principalmente com o grande rival ao ceptro Redding (Marc VDS Racing Team) a largar de oitavo.
 
Espargaró disparou logo para a liderança e manteve a vantagem até à 19ª volta, altura em que Torres – que manteve ritmo consistente ao longo das 29 voltas da prova – foi por dentro na Sachsen Kurve. Atrás dos dois primeiros, Simone Corsi manteve-se atento e, de forma oportunista, passou Espargaró na última volta para terminar em segundo e, assim, garantir o primeiro pódio em quase dois anos. Mesmo perdendo mais uma posição, Espargaró terminou quatro furos à frente de Redding.
 
O quarto lugar ficou a cargo de Julián Simón (Italtrans Racing Team), enquanto Alex de Angelis, que conta com vários pódios em Sachsenring, atacou forte na segunda metade do Grande Prémio para levar a NGM Mobile Forward Racing aos cinco primeiros, à frente de Tom Lüthi (Interwetten Paddock Moto2 Racing) e do líder do Campeonato Redding, que obteve o pior resultado de 2013. O homem da pole, Simeon, não apresentou bom ritmo na corrida e terminou a 12,8 segundos do vencedor.
 
Seis pilotos não terminaram. Danny Kent (Tech 3) e o wildcard Alex Mariñelarena (TargoBank Motorsport) caíram cedo, com o espanhol a sofrer contusão no joelho esquerdo. Kyle Smith (Blusens Avintia) foi o terceiro a ir chão, com Marcel Schrotter (Desguaces La Torre SAG) a desistir pouco depois. Roman Ramos, que substituiu o lesionado Alberto Moncayo na Argiñano & Gines Racing, abandonou nas boxes, enquanto o companheiro de equipa do vencedor Torres, Jordi Terol, sofreu queda nos momentos finais da corrida.
 
Redding continua a liderar a classificação (143 pontos) quando a competição inicia um mês de paragem de Verão, mas Espargaró (120) reduziu a diferença de 30 para 23 pontos naquela que foi a primeira corrida da época  ver três marcas diferentes no pódio. O companheiro de equipa de Espargaró, Tito Rabat (88), perdeu terreno ao somar apenas dois pontos com o 14º lugar. O Campeão do Mundo de Moto3™ Sandro Cortese (Dynavolt Intact GP) somou um ponto, enquanto Anthony West (QMMF Racing Team) terminou em oitavo após ter partido da 16ª posição da grelha.
 
A Moto2™ regressa à acção no Red Bull Grande Prémio de Indianapolis em meados de Agosto.

Tags:
Moto2, 2013, RAC

Outras actualizações que o podem interessar ›