Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Sentimentos mistos para Dovizioso e Hayden

Sentimentos mistos para Dovizioso e Hayden

Os pilotos da Ducati Team, Andrea Dovizioso e Nicky Hayden, qualificaram-se melhor que o esperado na Alemanha, mas as sensações foram muito diferentes nas 30 voltas da corrida de domingo.

 

Dovizioso subiu duas posições, de nono para sétimo, enquanto Hayden ficou menos contente ao cair para nono depois de ter partido de sexto.
 
“De um ponto de vista pessoal, estou contente com o dia,” começou o italiano que há 12 meses terminou no pódio com a Monster Yamaha Tech 3. “Durante todo o fim-de-semana foi muito complicado rodar no segundo 23 baixo, pelo que estou satisfeito por o ter conseguido durante toda a corrida. É claro que não podemos estar contentes com o resultado porque ficámos a 30 segundos, mas isso é apenas mais uma confirmação da nossa actual situação. Não esperávamos outra coisa.”
 
A última vez que Hayden terminou no pódio de Sachsenring foi em 2007, quando foi terceiro. Apesar do resultado de 2013 ter representado a melhoria de uma posição face a 2012, desta feita a diferença para o vencedor foi de 45 segundos em vez dos 29 do ano anterior.
 
“Não foi claramente a corrida que esperávamos,” começou o Campeão do Mundo de 2006. “Estava a ter uma boa sessão no warm-up, mas caí mesmo no final. Apesar de ter sido pequena, danificou o quadro, pelo que tive de trocar para a outra GP13 para a corrida. Não tinha rodado muito com essa moto e não tive as mesmas sensações que na primeira, especialmente em termos de aderência. No início, sempre que puxava, a traseira queria dar a volta. Foi uma corrida longa e solitária. Temos de compreender o que aconteceu porque tivemos um ritmo muito melhor que este no fim-de-semana.”
 
Bernhard Gobmeier, Director Geral da Ducati Corse, também reconhece que a equipa continua a debater-se com dificuldades.
 
“Uma vez mais, não foi um dos nossos melhores fins-de-semana,” começou o alemão. “Do lado do Nicky vimos bom ritmo nos treinos e ele esteve muito bem até à queda. Esperávamos ritmo similar na corrida, mas com a outra moto não conseguimos encontrar os mesmo níveis de aderência. Quanto ao Andrea, infelizmente ele sofreu queda com o novo quadro de desenvolvimento na manhã de sexta-feira e teve de trabalhar com a versão padrão. Mesmo assim, fez um excelente trabalho para rodar no segundo 23 durante toda a corrida.”
 
“De novo, temos um grande trabalho pela frente e estamos a esforçar-nos com novas soluções, mas é necessário tempo para serem testadas e produzidas antes de serem trazidas para as corridas.”
 
A Ducati Team ruma agora para a Mazda Raceway Laguna Seca, na California, onde Hayden terminou em sexto em 2012.

Tags:
MotoGP, 2013, eni MOTORRAD GRAND PRIX DEUTSCHLAND, Nicky Hayden, Andrea Dovizioso, Ducati Team

Outras actualizações que o podem interessar ›