Compra de bilhetes
Compra de VideoPass

Pedrosa: "Considerei seriamente não correr"

Dani Pedrosa revelou que este prestes a tomar a decisão de não alinhar no Grande Prémio dos Estados Unidos de domingo, isto depois de não se ter sentido bem após o acidente da semana passada.

 

No sábado do fim-de-semana passado, no GP da Alemanha, Pedrosa sofreu forte queda em Sachsenring. Ele voou para a Califórnia na quinta-feira, falhando depois as sessões de treinos matinais de sexta-feira e sábado em Laguna Seca.
 
“Antes de mais, quero agradecer a todos os que me apoiaram nestes últimos dias,” diz o piloto da Repsol Honda Team. “Tratou-se de uma corrida onde foi muito importante  somar pontos.”
 
“Considerei seriamente não participar nesta corrida porque as condições era muito difíceis, pelo que estou contente com o quinto lugar.”
 
“Estamos perto do pódio, mas nas últimas voltas vi as coisas muito complicadas. Penso que estive bem na corrida, apesar de ter sentido muitas dores durante toda a semana. Pelo menos consegui segurar o guiador e controlar a moto.”
 
“Muitas vezes, mover a moto torna-nos a vida difícil e é complicado fazer toda a corrida. No final, os 11 pontos são muito importantes para o Campeonato.”
 
Pedrosa cruzou a meta em quinto na Mazda Raceway; apesar de ter perdido mais terreno para o companheiro de equipa e vencedor da corrida Marc Márquez, ele terminou uma posição à frente do rival Jorge Lorenzo, da Yamaha Factory Racing, e mantém-se à frente do Campeão do Mundo na classificação geral.

Tags:
MotoGP, 2013, Dani Pedrosa, Repsol Honda Team

Outras actualizações que o podem interessar ›