Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Hayden animado com sexto posto e a pensar em opção para 2014

Hayden animado com sexto posto e a pensar em opção para 2014

Nicky Hayden vai partir para o Red Bull Grande Prémio de Indianápolis da segunda linha da grelha depois de se ter qualificado em sexto com a máquina da Ducati Team. O Campeão do Mundo de 2006 também confirmou que está em conversações com equipas como a LCR Honda MotoGP para 2014.

 

Antes da paragem de Verão Hayden anunciou, em Laguna Seca, que não cai continuar com a Ducati em 2014. Contudo, isto não distraiu o americano em Indy no sábado, que se qualificou com muita confiança na sexta posição – com quatro décimos de segundo de margem sobre o companheiro de equipa Andrea Dovizioso e quatro posições à frente do italiano.
 
“Não foi fácil!” disse Hayden sobre o dia de qualificação. “Em particular o FP4, onde andámos um pouco para trás na afinação – em especial no que toca à aderência.  Construíram um novo amortecedor para a Q2 mesmo muito depressa e fizeram um trabalho fantástico, senti-me logo melhor e consegui ser razoavelmente rápido.”
 
“Não fomos para a frente, mas conseguir ficar na segunda linha é claramente melhor que as qualificações que consegui em algumas corridas. O tempo por volta não foi muito mau, mas tendo em conta a forma como se desenrolaram as últimas corridas, estou contente com isso e seria muito bom rodar com o grupo da frente durante o máximo de tempo possível amanhã.”
 
Durante a cobertura em directo do motogo.com da quarta sessão de livres na lendária Motor Speedway, Lucio Cecchinello – CEO da LCR Honda MotoGP – confirmou que está em conversas com Hayden sobre um possível lugar para o americano em 2014 com uma ‘Honda production racer’.
 
“Isso ainda é um sonho para mim... [pausa]... digamos que talvez haja uma pequena possibilidade,” comentou Cecchinello. “Ainda estamos em conversas com a HRC (Honda Racing Corporation) e a HRC está em conversas com a Honda aqui na América. Vamos ver se encontramos forma de arranjar orçamento para organizarmos uma segunda moto nesta equipa.”
 
Hayden também reconheceu a possibilidade de correr com a formação do italiano.
 
“Bem, é uma oportunidade muito interessante, mas de momento tenho algumas boas oportunidades em cima da mesa, pelo que estou muito animado,” continuou o Campeão de 2006. “Vai claramente haver uma grande mudança para mim no próximo ano; estou de olho em coisas que parecem ser promissoras, mas ainda há muitos detalhes a afinar, pelo que ainda estamos longe de fechar o que quer que seja.”
 
“Mas parece promissor; estou muito animado com tudo. Não sabemos qual é o nível das ‘production racers’ para o próximo ano, pelo que não sabemos como deve ser qual o potencial que terão, mas há algumas coisas boas que estão a surgir e estou desejoso pelo futuro. Contudo, ainda há muitas corridas pela frente este ano e quero terminar (com a Ducati Team) da melhor forma possível – e espero sair com algo que me deixe orgulhoso.”
 
Quando questionado sobre se pode confirmar a existência de conversas com a LCR, Hayden respondeu: “Sim, têm havido algumas conversas. Não o vou negar.”

Tags:
MotoGP, 2013, RED BULL INDIANAPOLIS GRAND PRIX, Nicky Hayden, Ducati Team

Outras actualizações que o podem interessar ›