Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Bradl termina corrida em quinto apesar de forte queda na Q2

Bradl termina corrida em quinto apesar de forte queda na Q2

O embate do MotoGP™ no novo circuito de Termas de Río Hondo viu Stefan Bradl registar mais um sólido resultado nos cinco primeiros, isto apesar da forte queda sofrida pelo germânico na qualificação da tarde de sábado.

A equipa LCR Honda uniu-se em volta da sua estrela da categoria rainha após a queda que levou Bradl a partir da nona posição da grelha este domingo para o Grande Prémio Red Bull da República Argentina.
 
Bradl foi consistente e rápido ao longo do fim‑de‑semana num circuito onde foi um dos poucos a testar no ano passado. Assim que a corrida começou o alemão lutou com os da frente durante a primeira metade da corrida de 25 voltas, mas perto do final acabou por perder alguma confiança no pneu frontal – o que o levou a contentar-se com o quinto posto.
 
“Tendo em conta a queda de ontem na qualificação e a nona posição na grelha, peno que podemos estar contentes com este resultado,” disse após a prova.
 
“Sabia que tinha de fazer boa partida desde a terceira fila e foi o que fiz. A primeira volta foi algo louca, mas depois disso acho que desempenhei o meu papel na luta no grupo da frente. Estivemos fortes nas travagens e conseguimos lutar com os outros.”
 
Ele concluiu: “Na parte final da corrida não consegui igualar a velocidade dos da frente porque tive alguns problemas com a frente, pelo que optei por manter a calma e terminar a corrida numa boa posição.”

Tags:
MotoGP, 2014, GRAN PREMIO RED BULL DE LA REPÚBLICA ARGENTINA, Stefan Bradl, LCR Honda MotoGP

Outras actualizações que o podem interessar ›