Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Dr. Xavier Mir actualiza estado de Pedrosa

O Dr. Xavier Mir acredita que Dani Pedrosa vai alinhar no Monster Energy Grande Prémio de França do próximo fim‑de‑semana, isto depois do piloto da Repsol Honda Team ter sido operado ao síndroma compartimental na tarde de terça-feira.

Depois de ter rodado com dores rumo ao terceiro posto no Grande Prémio de Espanha do fim‑de‑semana passado, Pedrosa foi operado no Hospital Universitário Quiron Dexeus, em Barcelona.
 
“Ao longo dos últimos Grandes Prémios o Dani teve alguns problemas, pelo que decidimos fazer fisioterapia e ver como ele se sentia,” explica o Dr. Mir ao motogp.com. “Ele decidiu resolver os problemas de forma conveniente.”
 
Sobre a participação de Pedrosa no evento gaulês, o Dr. Mir disse: “Há alguma margem. Neste momento ele tem pela frente uma semana de imobilização e gesso. A partir da próxima segunda-feira vai poder começar a reabilitação. De certeza que não estará a 100% para Le Mans, mas se não surgirem complicações durante os próximos dias estará seguramente em pista.”
 
O médico explicou ainda que esta não foi a primeira operação de Pedrosa ao braço direito, com uma semelhante a ter tido lugar há 12 anos.
 
“Ele era praticamente uma criança na altura, pelo que o diâmetro do pulso aumentou desde então,” diz o Dr. Mir. “Agora ele cresceu e ao cabo de 12 anos começou a ter problemas com o braço de novo.”
 
Com a próxima paragem do Campeonato do Mundo de MotoGP™ a ser Le Mans, em França, Pedrosa regressa a um traçado onde venceu em 2013.

Tags:
MotoGP, 2014, Dani Pedrosa, Repsol Honda Team

Outras actualizações que o podem interessar ›