Compra de bilhetes
Compra de VideoPass

Espargaró e Smith desejosos pela sexta jornada

Os pilotos da Monster Yamaha Tech3 Team, Pol Espargaró e Bradley Smith, vão voltar a dar tudo para terminarem a sexta jornada do Campeonato do Mundo de MotoGP™ de 2014, o Grande Prémio de Itália TIM,  em boas posições.

A acção vai começar na sexta-feira no pitoresco e sinuoso traçado localizado a 30 km de Firenze. A história pista é palco de popular evento para espectadores e pilotos, com seis curvas para a esquerda e nove para a direita com grandes variações de velocidade.
 
O estreante Espargaró vai tentar dar continuidade ao melhor resultado conseguido até ao momento na categoria rainha, o quarto posto na ronda caseira da Tech3 em Le Mans, isto enquanto prossegue com o processo de aprendizagem em Mugello.
 
Ele afirmou: “Estou motivado para correr em Mugello, uma pista de que gosto mesmo muito e que será favorável à Yamaha YZR-M1 devido às rápidas e sinuosas curvas. Contudo, parece que vai chover durante o fim‑de‑semana, o que poderá ser complicado porque ainda não rodei com uma máquina de MotoGP no molhado.”
 
“Como sempre, vou tentar aprender o máximo possível, em particular em condições de piso molhado, e vou concentrar-me em encontrar uma afinação forte para que possa estar o melhor preparado possível para a corrida neste técnico e exigente circuito. Qualifiquei-me na pole aqui na Moto2™ em 2012 e somei três pódios nas classes de 125cc e Moto2, pelo que estou desejoso por ganhar mais experiência.”
 
Enquanto isso, Smith, que tem a pista em grande conta, vai tentar aumentar o já convincente conjunto de resultados no afamado circuito da Toscana e lutar entre os cinco primeiros.
 
“Após a complicada corrida em Le Mans estou já muito animado para Mugello, uma das minhas pistas preferidas,” disse o britânico. “Gosto mesmo da natureza do traçado e a Yamaha é o construtor de MotoGP mais bem sucedido na pista, pelo que temos de nos sentir confiantes. Venci desde a pole em 2009 nas 125cc e também me qualifiquei na primeira linha em 2011 quando terminei em terceiro com a Moto2 da Tech3, pelo que sei que posso rodar bem aqui.”

Tags:
MotoGP, 2014, Bradley Smith, Pol Espargaro, Monster Yamaha Tech 3

Outras actualizações que o podem interessar ›