Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Sortes mistas para a NGM Forward Racing Team

Aleix Espargaró voltou a ser o melhor piloto Open em Mugello, mas ele e o colega de equipa Colin Edwards na NGM Forward Racing Team sentem que podiam ter feito melhor, não tivessem sido afectados por problemas electrónicos.

A ronda caseira da equipa não se revelou fácil para Espargaró e Edwards, que terminaram em nono e 15º, respectivamente. Mesmo assim, o resultado mantém Espargaró na sétima posição da geral, com 44 pontos.
 
Vindo da quarta linha da grelha, Espargaró recuperou algumas posições e apesar de ter lutar com o controlo de tracção, conseguiu terminar nos dez primeiros.
 
“Foi uma corrida difícil,” reflectiu Espargaró. “Lutámos durante todo o fim‑de‑semana com o controlo electrónico e hoje (domingo) em particular tive um problema com o controlo de tracção. Não conseguia puxar e controlar a moto como queria, pelo que tentei manter a calma e obter o melhor resultado possível. Vamos continuar a trabalhar e espero que possamos dar um passo em frente para a próxima corrida na Catalunha, a minha corrida em casa.”
 
Também foi uma ronda dura para o colega de equipa Edwards que, apesar de também ter tido problemas de electrónica, terminou a corrida em 15º com novo chassis.
 
Edwards disse: “O ponto positivo foi termos terminado a corrida depois de termos lutado com problemas de combustível desde o início da época. Estou satisfeito, mas temos de continuar a trabalha com a electrónica porque hoje lutámos muito com o controlo de tracção e a moto estava a patinar muito.”
 
“De todas as formas, este fim‑de‑semana fizemos um teste completo com o novo chassis. Agora vamos olhar para os dados e continuar a trabalhar em Montmeló.”

Tags:
MotoGP, 2014, Aleix Espargaro, Colin Edwards, NGM Forward Racing

Outras actualizações que o podem interessar ›