Compra de bilhetes
Compra de VideoPass

Pol Espargaró escala até ao sétimo lugar

Pol Espargaró terminou em sétimo no domingo na Alemanha depois de ter escalado ao longo do pelotão na sequência de uma partida desde o pit lane.

A chuva caiu minutos antes do início para a prova de 30 voltas em Sachsering, fazendo com que o a corrida fosse declarada molhada, mas com as condições da pista a melhorarem e o piso a secar rapidamente, o estreante optou por trocar para a moto de seco no final da volta de aquecimento e tal como a maioria dos pilotos.
 
O jovem espanhol completou a primeira volta na 21ª posição, mas foi subindo na classificação de forma confiante ao longo da corrida. A três voltas do final ele era já oitavo, mas não se ficou por aí e executou soberba manobra sobre Cal Crutchlow na Curva 12 para garantir a sétima posição em que haveria de terminar.
 
Espargaró afirmou: “Devido à minha falta de experiência com a moto em condições de piso algo molhado fui muito cauteloso nas primeiras voltas e levei algum tempo a encontrar o meu ritmo. Além disso, a pista também tem poucos pontos de ultrapassagem devido à sua natureza, o que não ajudou. Foi uma pena porque o meu ritmo permitia-me lutar por um resultado nos cinco primeiros, mas a sorte não esteve do nosso lado. Mesmo assim, aprendi muito e depois de algumas semanas de descanso vamos voltar ainda mais fortes para o início da segunda metade da época em Indy.”
 
Enquanto isso, o complicado fim‑de‑semana de Bradley Smith terminou com azar, com o jovem britânico a cair nas primeiras voltas – a quinta queda da visita à Alemanha – voltando depois à prova para terminar fora dos pontos, em 19º.
 
Smith admitiu: “Hoje foi uma grande desilusão para mim porque me estava a sentir bem e sabia que era capaz de um forte resultado aqui, mas no final a queda foi culpa minha. Fui por dentro do Mike di Meglio e passei-o, mas quando ele chegou ao apex da curva eu fui pelo interior do corrector, que ainda estava molhado, e caí. É claro que é uma grande frustração porque a moto, os pneus e a afinação estavam muito boas.”

Tags:
MotoGP, 2014, Bradley Smith, Pol Espargaro, Monster Yamaha Tech 3

Outras actualizações que o podem interessar ›