Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Phil Read sobre os Grandes Prémios de hoje e do passado

Phil Read sobre os Grandes Prémios de hoje e do passado

Em Misano no fim‑de‑semana passado Phil Read esteve na zona VIP da Movistar Yamaha MotoGP para celebrar o 50º aniversário do primeiro título da marca nas 250cc. Como o britânico recorda, as coisas mudaram desde então…

O primeiro título Mundial de Read e da Yamaha foi conquistado na corrida de 250cc e Monza, em Itália, a 13 de Setembro de 1964. O inglês conquistaria depois múltiplas coroas mundiais, incluindo os títulos de 500cc de 1973 e 1974 com a MV Agusta.
 
“É fantástico ainda estar aqui e graças a Deus que estou!” brincou Read durante uma entrevista com o motogp.com. “Sofri várias quedas e completei centenas de corridas contra alguns dos melhores pilotos do mundo.”
 
Recordando o fim‑de‑semana em que conquistou o primeiro título, Read realça o quanto mudou o Campeonato do Mundo desde 1964:
 
“Conduzi o meu Citroën Safari desde Inglaterra com as duas motos atrás. No dia seguinte fomos para a pista um dias mais cedo e ouvi o som incrível da Honda 6. Os nossos rivais estavam a testar. O meu coração parou. Pensei, ‘Estou acabado! Nunca vencerei o título!’ Mas com o meu mecânico do Japão apresentámos uma Yamaha mesmo muito fiável. Houve alguma pilotagem dura e cones de ar, bem como o grande entusiasmo da Honda, que não tinha testado bem a moto, porque ao fim de uma ou duas voltas começou a sobre-aquecer e o Jim Redman teve de abrandar para continuar a rodar em sexto. O meu colega de equipa Mike Duff estava a usar a minha segunda moto e passou o Redman antes de bater o recorde da volta, pelo que foi uma brilhante dobradinha para a Yamaha. Voltei para o hotel, levei o mecânico ao aeroporto, saí sem conferência de imprensa e sem compromissos de televisão e voltei de carro para Inglaterra.”
 
Natural de Luton, Read falou ainda do actual Campeão do Mundo Marc Márquez, que conheceu depois do espanhol ter conquistar o ceptro de MotoGP™ de 2013.
 
“Foi uma honra dar a medalha de ouro ao Marc no Congresso da FIM em Dezembro passado,” começa por resumir Read. “Disse-lhe, ‘Marc, sofreste 15 quedas esta época – é muito!’ Ele respondeu com um sorriso e disse, ‘Não tem problema!’ Como sabemos, não foi mesmo problema nenhum. Creio que ele elevou muito a fasquia, de tal forma que agora é muito, muito complicado batê-lo, mas também penso que a Honda está a começar a sentir dificuldades em igualar o crescente ritmo e melhorias da Yamaha, que está a trabalhar muito, e tem dois pilotos brilhantes no Jorge e no Valentino.”
 
Phil Read é um dos seis pilotos britânicos a ter conquistado o ceptro da categoria rainha (em 1973-74), tal como Les Graham (1949), Geoff Duke (1951, 1953-55), John Surtees (1956, 1958-60), Mike Hailwood (1962-65) e Barry Sheene (1976-77).

Tags:
MotoGP, 2014, Phil Read

Outras actualizações que o podem interessar ›