Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Toba vence em Sepang e reduz atraso para Date

Toba vence em Sepang e reduz atraso para Date

O nipónico Kaito Toba venceu a primeira das duas corridas da Shell Advance Asia Talent Cup deste fim‑de‑semana no Circuito Internacional de Sepang, numa jornada incluída no programa das Super Series da Malásia.

Após duas Sessões de Treinos livres na sexta-feira e de uma qualificação molhada na manhã de sábado, os 22 pilotos da Shell Advance Asia Talent Cup alinharam para o embate na tarde de sábado. O tailandês Nakarin Atiratphuvapat partiu da pole position pela segunda vez na época – a primeira foi em Sentul, Indonésia. O líder do campeonato Yuta Date, do Japão, alinhou em segundo, com o compatriota Ayumu Sasaki em terceiro. A segunda linha foi composta por Kaito Toba, pelo piloto da casa Adam Norrodin, bem como pela única rapariga da grelha, a tailandesa Muklada Sarapuech.
 
Sasaki assumiu a liderança desde a partida, colocando-se na frente de um grupo de oito pilotos. Date não esteve tão bem na largada e viu-se forçado a recuperar posições ao longo do pelotão. Shafiq Rasol, por seu lado, fez uma partida soberba e conseguiu lutar com o grupo da frente depois de partir de 10º.
 
O primeiro drama surgiu à sétima volta, com Sasaki e Atiratphuvapat a tocarem-se e a irem ao chão. Isto deixou um grupo de quatro nipónicos e três malaios na luta pela liderança. Toba mostrou-se em grande forma e conseguiu manter a calma até ao final para triunfar à drene de Rasol, que se estreou no pódio esta temporada. A completar os três primeiros ficou o líder da geral Date. Esta foi a terceira vitória da época para Toba, que assim ficou a apenas 14 pontos de Date na classificação.
 
O Director da Shell Advance Asia Talent Cup, Alberto Puig, comentou: “Esperava que o grupo da frente fosse mais pequeno; havia dois ou três pilotos que pareciam estar um pouco acima dos outros nos treinos. Mas a corrida não foi muito rápida, o que possibilitou a criação de um grande grupo na frente. E quando grupos desses se formam há sempre o risco de toques e quedas, o que infelizmente aconteceu.”

Tags:
MotoGP, 2014

Outras actualizações que o podem interessar ›