Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Dovizioso acredita que Ducati estará competitiva no Japão

Dovizioso acredita que Ducati estará competitiva no Japão

A Ducati Team está a preparar-se para o Motul Grande Prémio do Japão deste fim-de-semana, a ronda 15 do Campeonato do Mundo de MotoGP™ de 2014 e a primeira tirada de uma série de três corridas, que incluirá ainda a Austrália e a Malásia nas duas semanas seguintes.  

O circuito Twin Ring Motegi tem um traçado invulgar, com uma série de longas rectas seguidas de curvas apertadas, que são um teste difícil para os travões das motas e para a sua prestação em aceleração.
 
Historicamente, a Ducati Team tem obtido alguns bons resultados na pista japonesa, em particular as quatro vitórias de Loris Capirossi e Casey Stoner, que venceu o seu primeiro título mundial com a Ducati em 2007, em Motegi.
 
Andrea Dovizioso gosta do circuito japonês e já conseguiu chegar ao pódio nas três categorias, vencendo a corrida de 125cc de 2004, enquanto Cal Crutchlow qualificou-se para a linha da frente em 2012, mas no ano passado não conseguiu melhor do que o sétimo lugar na corrida.
 
Dovizioso anteviu a visita ao Extremo Oriente, dizendo: “Gosto da pista de Motegi, especialmente por causa das travagens e isso é uma vantagem, devido às características da pista. Penso que a nossa GP14 pode ser novamente competitiva no Japão, porque nas últimas quatro corridas estivemos bem em circuitos com características completamente diferentes. Por isso, de certeza que vamos para Motegi muito motivados”.
 
O piloto italiano acrescentou: “Já tive lá alguns bons resultados no MotoGP, em particular em 2010 quando consegui a pole position, até agora a minha única pole no MotoGP, e depois terminei a corrida com um fantástico segundo lugar”.
 
Crutchlow, por outro lado, parte para Motegi depois de ter obtido o seu primeiro pódio com a Ducati. “Depois do bom resultado em Aragão, estamos ansiosos para ir para o Japão, onde temos muitos fans e esperamos continuar a melhorar. Estou satisfeito com o trabalho que ultimamente a equipa tem feito comigo e, obviamente, agora estamos em melhor forma do que antes. Motegi é uma pista um pouco estranha, porque tem zonas de grande travagem, mas isso é bom para mim e será interessante ver até onde conseguimos ir”.

Tags:
MotoGP, 2014, MOTUL GRAND PRIX OF JAPAN, Cal Crutchlow, Andrea Dovizioso, Ducati Team

Outras actualizações que o podem interessar ›