Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Rossi sobre a importância de partir da primeira linha

Rossi sobre a importância de partir da primeira linha

O piloto da Movistar Yamaha MotoGP Valentino Rossi qualificou-se para a primeira linha da grelha pela segunda vez em 2014, no Motul Grande Prémio do Japão.  

O nove vezes Campeão do Mundo Rossi trabalhou com a sua equipa e fizeram várias alterações na sua Yamaha YZR-M1, o que permitiu lutar por uma presença na linha da frente.
 
A pole chegou a estar nas mãos de Rossi no início da sessão, mas Dani Pedrosa (Repsol Honda), Marc Marquez (Repsol Honda) e Andrea Dovizioso (Ducati Team) iam respondendo com voltas mais rápidas à medida que a Q2 se desenrolava.
 
Uma volta em 1m44,557s foi o tempo final de Rossi, que o colocou no segundo posto, a apenas 0,055s atrás de Dovizioso, que garantiu o seu primeiro pódio e da Ducati em quatro anos. Pedrosa parecia capaz de lutar com o piloto da Yamaha, mas caiu na penúltima volta.
 
A única vez que Rossi partiu da primeira linha da grelha em 2014 foi em Misano, onde o italiano acabou por triunfar.
 
Rossi recordou a Q2: “Estou muito contente e satisfeito. O facto do Dovizioso me ter ultrapassado e garantindo a pole position não é assim tão mau. É importante partir da primeira linha da grelha. Melhorámos muito na qualificação, a nossa afinação melhorou muito. Consegui estar mais rápido e espero que isso nos ajude na corrida amanhã, apesar de ainda termos de fazer algumas alterações para a corrida”.
 
“Vai ser uma corrida difícil com todos a dar 100%, por isso a primeira linha é crítica. Tinha medo que a minha cabeça não estivesse ok, mas está tudo bem. O dedo chateia um bocadinho, é muito importante para as travagens. Tenho algumas dores, mas o importante é que possa correr”, acrescentou.

Tags:
MotoGP, 2014, MOTUL GRAND PRIX OF JAPAN, Valentino Rossi, Movistar Yamaha MotoGP

Outras actualizações que o podem interessar ›