Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Marquez: "Obrigado à minha família e à Honda"

Marquez: "Obrigado à minha família e à Honda"

Marc Marquez reagiu de forma divertida ao facto de se ter tornado no mais novo piloto de sempre a conquistar dois títulos consecutivos de Campeão do Mundo, depois de uma corrida sólida no Motul Grande Prémio do Japão aos comandos de uma Repsol Honda RC213V.  

Depois de ter partido da quarta posição da grelha, Marquez teve um início de corrida equilibrado, após ter passado para trás de Andrea Iannone (Pramac Racing) nas primeiras curvas. O espanhol depressa conseguiu ultrapassar o piloto da Ducati e concentrou-se na disputa da segunda posição com Valentino Rossi (Movistar Yamaha MotoGP).
 
Os dois tiveram momentos de alguma luta, mudando de posição em várias curvas, mas Marquez acabou por levar a melhor ao nove vezes Campeão do Mundo e foi atrás de Jorge Lorenzo (Movistar Yamaha MotoGP) que já tinha conseguido uma vantagem confortável na liderança.
 
Marquez fez uma tentativa para apanhar Lorenzo, mas o piloto da Yamaha respondeu e Marquez acabou por ficar na segunda posição. Este resultado permitia-lhe conquistar o segundo Campeonato do Mundo de MotoGP e o quarto título mundial, quando faltam ainda disputar três corridas.
Agora que é o mais novo piloto de sempre a ter dois títulos mundiais consecutivos , Marquez parece querer regressar às vitórias nas três últimas corridas.
 
Entusiasmado, Marquez afirmou: “Eu sei, a corrida não interessa muito hoje! Talvez não estivesse a correr da mesma forma que faço normalmente, sinto-me um pouco diferente. Foi difícil ultrapassar e eu não queria cometer um erro. Cometi dois erros nas últimas corridas, mas temos o título! É incrível conquistá-lo em casa. Obrigado à minha família e à Honda”.
 
“Apenas dois anos no MotoGP e dois títulos é incrível. Talvez para as pessoas pareça fácil, porque estou sempre a sorrir, mas há muita pressão. Em Misano e Aragão cometemos alguns erros, por isso era importante mantermo-nos concentrados aqui pela Honda. Estou mesmo feliz com a equipa, a família e os fans, eles sempre me apoiaram. É como um sonho agora”, acrescentou.

Tags:
MotoGP, 2014, MOTUL GRAND PRIX OF JAPAN, Marc Marquez, Repsol Honda Team

Outras actualizações que o podem interessar ›