Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Tito Rabat mostra-se confiantes antes de fim‑de‑semana crucial

Tito Rabat mostra-se confiantes antes de fim‑de‑semana crucial

O piloto da Marc VDS tem em Phillip Island a primeira possibilidade matemática de sagrar-se Campeão do Mundo de Moto2™.

Tito Rabat chega à Austrália com 38 pontos de vantagem sobre o colega de equipa Mika Kallio. As contas jogam a favor do espanhol no que toca à possibilidade de vencer já o seu primeiro ceptro mundial. Uma sensação inédita para o catalão: “É uma grande sensação. Será difícil, mas vou tentar. A minha intenção é enfrentar este fim‑de‑semana como qualquer outro, tentar uma boa qualificação, melhorar a moto e concentrar-me ao máximo para dar o melhor de mim mesmo. É uma nova corrida, um novo circuito, um novo fim‑de‑semana. Começa tudo do zero,” afirma Rabat.
 
As condições climatéricas costumam ser variáveis na ilha, um facto que não preocupa o piloto da Marc VDS: “Disseram que o tempo será bom durante todo o fim‑de‑semana, o que é bom para nós. O único problema é o vento, mas já não me afecta como dantes. Gosto muito do circuito, é rápido, divertido, mas todos os fins-de-semana são diferentes.”
 
Rabat lidera o Campeonato do Mundo de moto2™ e o principal rival é precisamente o colega de equipa Mika Kallio. Uma situação que não está a gerar tensões dentro da equipa, como comenta: “O Mika é o meu principal rival, mas dentro da pista, fora dela cada um está concentrado no seu trabalho. Está claro que não é o meu melhor amigo, mas respeitamo-nos mutuamente, cada um faz o seu trabalho e não estou dependente dele.”
 
Dispor de ampla vantagem quando faltam disputar três corridas pode abrir a porta a estratégias diferentes e menos riscos para garantir um resultado, mas isso é algo em que Tito Rabat não quer pensar de momento: “Este ano está a correr-me muito bem porque não pensei nisso. Dou sempre o máximo nas corridas, tenho de ser agressivo porque é o meu estilo, não me devo preocupar com possíveis quedas porque estamos a falar de corridas e tudo pode acontecer,” concluiu.

Tags:
Moto2, 2014, TISSOT AUSTRALIAN GRAND PRIX, Tito Rabat, Marc VDS Racing Team

Outras actualizações que o podem interessar ›