Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Outro duplo pódio para a Movistar Yamaha MotoGP

Outro duplo pódio para a Movistar Yamaha MotoGP

Jorge Lorenzo lutou contra o calor, enquanto Valentino Rossi converteu difícil início de fim‑de‑semana no Shell Advance Grande Prémio da Malásia em resultado positivo.

Vindo de sexto da grelha, Rossi fez uma excelente partida, chegando a segundo na segunda volta. Rossi seguiu de perto o colega de equipa na Movistar Yamaha MotoGP Lorenzo até meio da prova.
 
À décima volta Rossi passou Lorenzo, levando consigo Marc Márquez (Repsol Honda). Um erro na Curva 15, na volta seguinte, permitiu a Márquez passar para a frente do italiano. Lorenzo considerou depois as condições difíceis após ter adoptado um programa de treino mais leve para as corridas fora da Europa.
 
Rossi terminou a 2,445s de Márquez e com mais de um segundo de margem sobre Lorenzo.
 
Com Dani Pedrosa (Repsol Honda) a ter caído, a luta pela segunda posição do Campeonato resume-se agora aos dois homens da Yamaha.
 
“Estou muito contente com este segundo lugar. É mesmo importante, lutámos durante o fim‑de‑semana com a afinação, mas esta manhã encontrámos bom acerto. Nunca estive forte nos treinos, mas não podia puxar a 100%. Passou muito tempo sobre o meu último pódio aqui, creio que foi em 2010. Adoro esta pista, pelo que é muito bom estar de volta,” reflectiu Rossi.
 
Ele acrescentou: “Lutei com o Jorge no início e era esse o meu objectivo porque estávamos a lutar pela segunda posição no campeonato. Depois disso vi que tinha um ritmo forte e que estava a lutar com o Márquez pela vitória; os pneus perderam muito no final e o Márquez tinha algo mais. Tive de abrandar enquanto ele conseguiu manter o mesmo ritmo, ainda assim foi um grande segundo lugar. O dobro dos pódios e das vitórias do ano passado, tem sido uma grande época.”
 
Lorenzo acrescentou: “Vem, as condições estavam mesmo muito complicadas, estiveram assim durante todo o fim‑de‑semana. Foi a corrida mais quente que fiz aqui na Malásia. Não estava fisicamente apto porque treinei pouco nestas três semanas fora da Europa,” explicou Lorenzo.
 
Ele continuou: “As primeiras curvas foram emocionantes. O Valentino esteve muito forte este fim‑de‑semana e não consegui manter-me com ele. Ele fez um grande trabalho e eu estava a perder um pouco com o pneu mais duro. Tivemos alguns problemas com o depósito de combustível, o suporte partiu-se, e eu estava a escorregar para a frente nas travagens.”

Tags:
MotoGP, 2014, SHELL ADVANCE MALAYSIAN MOTORCYCLE GP, Valentino Rossi, Jorge Lorenzo, Movistar Yamaha MotoGP

Outras actualizações que o podem interessar ›