Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Curiosidades numéricas do MotoGP™ em 2014

Curiosidades numéricas do MotoGP™ em 2014

Além dos números de vitórias, pódios e pontos somados por cada piloto, há muitos outros dados registados para todos os participantes no Campeonato do Mundo de MotoGP™.

As estatísticas oferecem interessantes motivos de análise da prestação e comportamento dos pilotos, com os dados registados a serem tão distintos como a distância percorrida em treinos e corridas, o número de voltas mais rápidas e o número de voltas na liderança das corridas.
 
As prestações recordistas de Marc Márquez em 2014 foram bem documentadas com o Campeão do Mundo de MotoGP™ a somar 362 pontos de um máximo possível de 450, registando pelo caminho 13 poles e 13 vitórias. Esses totais de poles de de triunfos são novos recordes para uma só época da categoria rainha, com as prestações de qualificação de Márquez a valerem-lhe o Prémio BMW M de melhor qualificado com uma impressionante margem de 131 pontos.
 
Márquez também dominou em termos de voltas mais rápidas em corrida, levando a melhor por 12 vezes em 2014. Os rivais Jorge Lorenzo e Dani Pedrosa assinaram duras voltas mais rápidas este ano, com Valentino Rossi e Álvaro Bautista a contarem com uma cada.
 
O total de voltas de Márquez na frente das corridas – 214 – volta a sublinhar o domínio do espanhol esta temporada. O resto do pelotão totalizou 234 voltas na liderança da corrida (98 de Lorenzo, 80 de Rossi, 19 de Pedrosa, 13 de Stefan Bradl, 12 de Andrea Iannone, 11 de Andrea Dovizioso e uma de Hiroshi Aoyama).
 
Enquanto isso, Aoyama foi o piloto a completar a maior distância em corridas em 2014 (2.108 km), não tivesse ele sido o único a terminar todas as corridas este ano.
 
Quem mais trabalhou nos treinos foi Rossi; o italiano fez 7.464 km na preparação das corridas dos 18 Grandes Prémios. O trabalho árduo de Rossi foi fundamental para o seu aumento de competitividade e valeu-lhe 13 pódios, duas vitórias e a segunda posição no Campeonato. Em 2013 Rossi também foi o piloto que mais rodou nos treinos ao totalizar 7.656 km.
 
O mais alto do pódio continua a ser território exclusivo, com apenas quatro pilotos a garantirem vitórias ao longo das 36 corridas de 2013 e 2014. Durante esse período Márquez somou 19 vitórias, Lorenzo 10, Pedrosa quatro e Rossi três.
 
Os outros pilotos a terem subido ao pódio este ano foram Andrea Dovizioso (dois) Aleix Espargaró (um), Bradley Smith (um), Cal Crutchlow (um) e Bautista (um). Em 2013 apenas Crutchlow (quatro) e Bradl (um) acompanharam o “Quarteto Fantástico” no pódio.

Tags:
MotoGP, 2014

Outras actualizações que o podem interessar ›