Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Márquez e Pedrosa satisfeitos com trabalho feito

Márquez e Pedrosa satisfeitos com trabalho feito

O Campeão do Mundo de MotoGP™ terminou o segundo teste de três dias em Sepang na frente do pelotão e com o colega de equipa Pedrosa em 7º.

Sem perderem tempo durante a manhã, os pilotos da Repsol Honda começaram a rodar assim que a pista de Sepang foi aberta esta manhã e desde logo trataram de ir em busca dos melhores tempos enquanto as condições climatéricas eram as mais favoráveis.

Marc Márquez foi o mais rápido do pelotão ao rodar em 1m59,115s na 13ª das 73 voltas que completou. O jovem da Repsol Honda aproveitou ainda para avaliar diferentes opções de chassis e para trabalhar na entrega de potência do motor para terminar o dia com uma simulação de corrida onde só por três vezes rodou acima dos dois minutos por volta.

“Estou contente porque de manhã conseguimos fazer uma boa volta, o que também é importante,” começou por adiantar Márquez. “Mas acima de tudo estou satisfeito porque completámos o trabalho que tinha ficado pendente no primeiro dia. Além disso, de tarde tive ainda tempo para fazer uma simulação de corrida com a temperatura da pista elevada, nos 49ºC. Cumprimos todos os objectivos que tínhamos traçado para este teste e no próximo, no Qatar, já vamos trabalhar de olhos pontos no Grande Prémio e com o objectivo de concluir a afinação da moto. Não creio que haja muitos mais novos componentes para avaliarmos.”

Já o colega de equipa Dani Pedrosa centrou-se neste último dia de trabalho nos acertos da electrónica e totalizou 51 voltas. Ele foi um dos únicos a lograr baixar a sua melhor marca na última hora de trabalho de hoje (o outro foi Yonny Hernández). O espanhol rodou em 1m59,912s na 49ª passagem pela meta, o que se traduziu no sétimo posto final.

“De forma geral este segundo teste correu bem,” afirmou Pedrosa. “Hoje testámos muitas combinações diferentes no que toca à configuração da electrónica e conseguimos dar passos positivos. É claro que ainda falta melhorar muita coisa, mas agora temos uma ideia mais clara no que respeita à afinação que temos de usar e também em relação aos aspectos que temos de continuar a desenvolver nos próximos testes. Foram dias muito intensos e agora teremos de tentar juntar tudo da melhor forma para seguirmos em frente.”

Tags:
MotoGP, 2015, SEPANG MOTOGP™ OFFICIAL TEST, Marc Marquez, Repsol Honda Team

Acompanhe a história ›

Outras actualizações que o podem interessar ›

News Desk
Começa o último dia de Sepang 2

2 anos ago

Começa o último dia de Sepang 2

@MotoGP

2 anos ago

@valeyellow46 's bike getting prepared for his first run at Sepang