Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Navarro deixa Jerez como mais rápido

Navarro deixa Jerez como mais rápido

A pré-época da Moto3™ chegou hoje ao fim com o cair do pano sobre o teste de Jerez, uma jornada de trabalho marcada pelo mau tempo.

Pilotos e equipas da Moto3™ deram hoje por concluída a pré-época de 2015 no Circuito de Jerez após um teste de três dias marcado pela chuva, vento e temperaturas baixas, o que limitou e muito o trabalho de pilotos e equipas e basicamente permitiu apenas a análise das afinações de chuva.

Praticamente sem uma aberta no tempo, os pilotos da categoria mais baixa do Campeonato do Mundo de MotoGP™ tiveram apenas alguns minutos da segunda sessão do segundo dia de trabalho na pista do Sul de Espanha para montarem pneus slick e rodarem em busca dos melhores tempos, isto porque durante o resto do tempo a pista esteve sempre molhada.

As condições foram tais, que houve mesmo pilotos e equipas que optaram por não rodar em algumas das nove sessões que fizeram parte do programa. Aliás, na última sessão do teste, disputada esta tarde, só Brad Binder, da Red Bull KTM Ajo, foi para a pista para totalizar cinco voltas e um crono superior a dois minutos.

Desta forma, o melhor piloto do teste acabou por ser Jorge Navarro. O piloto da Estrella Galicia 0,0 rodou em 1:49,189s para superar Danny Kent (Leopard Racing) em 0,741s, o último a rodar no segundo 48. Ainda assim, Navarro ficou muito distante da impressionante volta canhão registada pelo estreante e colega de equipa Fabio Quartararo aquando da visita ao traçado no mês passado. Se na altura Quartararo rodou no segundo 45, desta feita não foi além do 1m49,930s e do terceiro posto da tabela de tempos combinados.

No quarto posto ficou o vencedor da Red Bull Rookies Cup de 2014. Jorge Martín (Mapfre Mahindra Team) quedou-se a já a pouco mais de um segundo da frente, com Enea Bastianni (Gresini Racing Team Moto3) a completar o Top 5 a mais 0,012s do espanhol.

Isaac Viñales foi sexto da geral com a máquina da Husqvarna Factory Laglisse (+1,112s), seguido de Livio Loi (RW Racing GP), Niccolo Antonelli (Ongetta-Rivacold), Romano Fenati (Sky Racing Team VR46) e com John McPhee (Saxoprint-RTG) a fechar a lista dos dez primeiros.

Já Miguel Oliveira não foi além do 21º lugar. O português da Red Bull KTM Ajo não tirou partido dos minutos de pista seca durante a segunda sessão do segundo dia e foi tarde para a pista, sendo afectado pela chuva que então se começou a fazer sentir. Oliveira acabou por terminar a uns distantes 3,205s da frente, com o colega de equipa Karel Hanika, também a não rodar no seco, a terminar em 19º, a 2,803s da frente, e Brad Binder a ser 31º, a 6,608s de Navarro.

Pilotos e equipas da Moto3™ rumam agora ao Qatar para a primeira corrida do ano dentro de pouco mais de uma semana, sendo que as sessões de treinos livres e qualificação serão a primeira oportunidade para avaliar as evoluções conseguidas desde o ensaio do mês passado em Jerez.

Veja aqui os resultados completos do teste de Moto3™ em Jerez de la Frontera.

Tags:
Moto3, 2015, JEREZ MOTO2™ - MOTO3™ OFFICIAL TEST, Jorge Navarro, Estrella Galicia 0,0

Outras actualizações que o podem interessar ›