Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Antevisão do Commercial Bank GP do Qatar de MotoGP™

Antevisão do Commercial Bank GP do Qatar de MotoGP™

O Campeonato do Mundo de MotoPG™ arranca este fim‑de‑semana com o Commercial Bank Grande Prémio do Qatar.

O paddock do MotoGP™ chega ao Circuito Internacional de Losail esta semana para o arranque da época de 2015. Após meses de espera, a primeira jornada está e o que promete ser uma grande temporada estão mesmo à porta; os testes de pré-época já resultaram em algumas surpresas e tudo indica que não ficaremos por aqui.

A Ducati impressionou ao voltar a apresentar-se muito competitiva com a máquina de 2015, com a Desmosedici GP15 desenhada por Luigi Dall’Igna a dominar o último teste de pré-época no Qatar. A nova moto não só é rápida, como a formação de fábrica da marca italiana parece ter finalmente resolvido o problema de subviragem que afectou as anteriores versões da montada. Enquanto a GP15 deu mostras de bom ritmo desde a estreia no segundo teste de Sepang, será interessante ver que nível de prestação apresenta ao longo da distância de corrida sob as luzes artificiais do Circuito de Losail nas mãos dos pilotos da Ducati Team, Andrea Dovizioso e Andrea Iannone.

A Suzuki regressa ao MotoGP™ com uma equipa de fábrica totalmente nova, a Suzuki Ecstar Team, com Aleix Espargaro e com o estreante Maverick Viñales. A GSX-RR foi desenvolvida ao longo do ano passado e já se revelou competitiva, além do facto da equipa acreditar que ainda há mais potencial a explorar ao longo da época.

Ainda no que toca a regressos, a Aprilia também volta a marcar presença na grelha do MotoGP™ em 2015, se bem que este ano será mais um longo teste com os pilotos Álvaro Bautista e Marco Melandri, que vão tentar desenvolver a RS-GP de forma a que seja moto competitiva em 2016.

Marc Márquez, da Repsol Honda, vai tentar defender de novo o ceptro, isto depois de ter conquistado os títulos das duas últimas temporadas. O jovem espanhol acredita que a maior oposição na corrida pela coroa não vira da Ducati, mas antes do colega de equipa Dani Pedrosa e dos pilotos da Movistar Yamaha.

Valentino Rossi e Jorge Lorenzo estarão desejosos por roubar o ceptro a Márquez e com 11 títulos mundiais entre ambos, bem como renovada determinação esta temporada, a Movistar Yamaha vai seguramente estar aposta em recuperar o Campeonato uma vez mais. Rossi voltou a brilhar na temporada passada, depois de algumas alterações de bastidores, enquanto o colega de equipa Lorenzo terminou o ano de forma brilhante depois de um desastroso início de 2014 que acabou mesmo por lhe custar a possibilidade de se sagrar de novo Campeão do Mundo.

Também deveremos assistir a interessante batalhe entre as formações satélite, com pilotos como Cal Crutchlow, com Honda RC213V da CWM LCR Honda, Scott Redding, na máquina de fábrica da Estrella Galicia 0,0 Marc VDS Racing Honda, a dupla da Tech3 Yamaha, Bradley Smith e Pol Espargaró, bem como os homens da Pramac Ducati, Yonny Hernández e Danilo Petrucci, todos dispostos a lutar arduamente no Qatar.

Na classe Open foi Karel Abraham quem terminou o último teste da pré-época no topo, mas deverá ser interessante assistir durante toda a temporada à esperada luta com os homens das Hondas RC213V-RS da Drive M7 Aspar Honda, Nicky Hayden e Eugene Laverty, bem como com Héctor Barberá e Jack Miller, da Avintia Ducati, e com a dupla Stefan Bradl e Loris Baz, da Athina Forward Racing Yamaha. Isto sem esquecer que Jack Miller, vice-Campeão de Moto3™ no ano passado, vai tentar impressionar aos comandos da Open da CMW LCR Honda, enquanto Alex de Angelis estará com a máquina da Octo Ioda Racing ART.

Em 2015 o número de pilotos a competir na classe de MotoGP™ aumentou para 25 e esta época a grelha contará com mais pilotos a terem conquistado Campeonatos do Mundo. São 12 os pilotos que já conquistaram ceptros, totalizando 18 coroas entre si, ao que se juntam quatro estreantes: Viñales, Miller, Laverty e Baz.

O programa para o Commercial Bank Grande Prémio do Qatar é diferente dos demais, com quatro dias de duração; dois dedicados aos treinos a partir de quinta-feira, com a qualificação no sábado e a corrida de MotoGP™ marcada para as 21 horas locais de domingo.

Tags:
MotoGP, 2015, COMMERCIAL BANK GRAND PRIX OF QATAR

Outras actualizações que o podem interessar ›