Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Smith: “Estou contente por ter sido o melhor satélite”

Smith: “Estou contente por ter sido o melhor satélite”

O britânico levou a cabo corrida positiva para terminar em sexto e como melhor piloto satélite em Le Mans.

Bradley Smith foi um dos protagonistas da fantástica batalha pela quarta posição, em conjunto com Márquez e Iannone, mas no final acabou por terminar no sexto posto e como melhor piloto satélite no Grande Prémio de França.

“Estou contente, foi uma excelente forma de terminar o GP em casa da Monster Yamaha Tech3!” afirmou o britânico no final da corrida. “As condições da pista estavam mesmo mais quentes, o que significou que foi tudo um pouco desconhecido porque nos dois primeiros dias esteve mais frio. Assim, a nossa afinação estava um pouco limitada no início da corrida.”

“Contudo, acabar a lutar com o Campeão do Mundo e com outro piloto de fábrica é onde quero estar, pelo que tenho de estar contente por ter terminado como melhor piloto satélite. Também ganhámos importantes pontos para o Campeonato em relação ao Cal, pelo que cumprimos os objectivos traçados. É claro que teria sido ainda melhor terminar em quarto, mas a dada altura pensei que o Mar e o Andrea podiam bater, pelo que lhes dei espaço. De todas as formas, foi-me muito útil assistir à luta porque aprendi muito e posso usar esse conhecimento em corridas futuras.”

Tags:
MotoGP, 2015, MONSTER ENERGY GRAND PRIX DE FRANCE, RAC, Bradley Smith, Monster Yamaha Tech 3

Outras actualizações que o podem interessar ›