Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Dupla da Movistar Yamaha trabalha na afinação

Dupla da Movistar Yamaha trabalha na afinação

Os pilotos da Movistar Yamaha reservaram o dia para trabalharem na afinação das YZF-M1 com vista à corrida de domingo na Catalunha.

Apesar de não terem terminado nas posições que se podiam esperar dos dois primeiros classificados do Campeonato do Mundo de MotoGP™, os homens da Movistar Yamaha mostraram-se satisfeitos com o primeiro dia de trabalho no Monster Energy Grande Prémio da Catalunha.

“Creio que fizemos um grande trabalho da manhã para a tarde,” começou por adiantar Jorge Lorenzo, que terminou o dia em sétimo. “De manhã a aderência da pista estava muito pior que em Mugello. A moto movia-se muito, em particular em aceleração. Fizemos um grande trabalho para tornarmos a moto mais estável, pelo que performance melhorou muito e temos ritmo consistente. Isto é muito importante para a corrida de domingo. Aqui, em comparação com a primeira volta, o ritmo pode cair muito a meio da corrida, pelo que se tivermos boa afinação podemos ter vantagem no final da corrida,” rematou o espanhol que está em busca da primeira sequência de quatro vitórias da carreira.

“Não foi um mau início,” confessou o líder do Campeonato Valentino Rossi. “No final do treino encontrámos uma boa afinação e melhor equilíbrio da moto. Estou apenas um pouco preocupado com a posição porque estou dora dos dez primeiros. A verdade é que todos fizeram voltas incríveis e puxaram muito. Temos de melhorar os nossos tempos e tentar subir na classificação amanhã. Foram muitos os pilotos que rodaram bem para garantirem a presença nos dez primeiros e na Q2 caso as condições piorem amanhã. Fui para a pista a pensar que 1:42,3s era o bastante, mas infelizmente o Redding passou-me e estou em 11º. Contudo, as sensações com a moto são mais importantes.”

Tags:
MotoGP, 2015, GRAN PREMI MONSTER ENERGY DE CATALUNYA, FP2, Jorge Lorenzo, Valentino Rossi, Movistar Yamaha MotoGP

Outras actualizações que o podem interessar ›