Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Lorenzo: “O Valentino merece ser o vencedor”

Lorenzo: “O Valentino merece ser o vencedor”

Jorge Lorenzo opina sobre a polémica #RossiVsMarquez.

Jorge Lorenzo comentou a presente época e o embate entre Márquez e Rossi no final da corrida de Assen.

Sobre o terceiro lugar após quatro vitórias consecutivas, o espanhol disse: “Na Holanda tivemos muitas dificuldades desde o início, mas no final conseguimos salvar a honra do convento e o terceiro lugar permitiu-nos minimizar a perda de pontos para o Valentino. Espero estar muito melhor na próxima corrida na Alemanha.”

Tal como o colega de equipa, Jorge estreou o novo quadro Yamaha em competição em Assen: “O novo chassis foi bom bom para o Valentino e para mim, se bem que em Assen tivemos algumas dificuldades com os pneus, em particular nos sectores do traçado em que eu não estava bem, mas pelo menos somámos os pontos do terceiro lugar. Agora na Alemanha vamos estar perante outro tipo de traçado e as coisas podem correr melhor. Ao mesmo tempo, os pneus representam 20% de todos os problemas que tivemos. O resto corresponde aos dois sectores em que não estive bem. Felizmente, os outros circuitos não têm esse tipo de sectores, pelo que não esperamos ter problemas, mesmo com pneus mais duros, no circuitos que temos pela frente.”

Lorenzo nunca venceu em Sachsenring, pista que será o palco da nona jornada da época dentro de duas semanas: “Cada ano que lá vou é com a ideia de assinar a primeira vitória, mas é complicado. Há pilotos que são muito rápidos nesse circuito; o Pedrosa, por exemplo, o Márquez também. É um traçado mais adequado às Honda, onde a moto tem de virar muito bem; quem sabe a nossa moto peca um pouco nessa matéria e não conseguimos aproveitar bem o nosso ritmo em curvas mais rápidas. Consegui vários segundos lugares lá e estive perto de conseguir a vitória; quem sabe talvez seja este ano que conquisto o primeiro triunfo.”

Po último, o piloto da Yamaha não quis falar da polémica Rossi vs Márquez após a corrida da Holanda, mas deu finalmente a conhecer o seu ponto de vista: “A verdade é que depois pude ver o vídeo; na altura não tive tempo para o fazer, por isso não quis dar a minha opinião. Ao ver o que se passou várias vezes, é verdade que o regulamento diz que não se pode atalhar, mas também é verdade que o toque do Márquez no Valentino foi muito forte e, até certo ponto, isso impedi-o de continuar na pista; creio que no final o Valentino chegou primeiro à chicane e merece ser o vencedor da corrida.”

Tags:
MotoGP, 2015, Jorge Lorenzo, Movistar Yamaha MotoGP

Outras actualizações que o podem interessar ›