Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Simeon assina primeira vitória da carreira

Simeon assina primeira vitória da carreira

Xavier Simeon bateu Johann Zarco e Alex Rins no GoPro Motorrad GP da Alemanha para garantir a primeira vitória da carreira.

Vindo da segunda posição da grelha, Xavier Simeon fez uma prova muito táctica para assinar a primeira vitória da carreira na nona jornada da época, o GoPro Motorrad Grande Prémio da Alemanha, à frente do líder do Campeonato do Mundo Tito Rabat e de um inesperado terceiro classificado Alex Rins.

O belga da Federal Oil Gresini Moto2 esteve sempre entre os três primeiros e após uma primeira passagem pela liderança da corrida nas segunda e terceira voltas, perdeu um pouco de terreno para fazer a maior parte da corrida no terceiro posto, mas sempre de olhos bem colados em Zarco e Franco Morbidelli.

Só à 21ª volta é que Simeon superou o italiano Italtrans Racing Team e foi desde logo atrás do gaulês para anular por completo a parca vantagem que tinha conseguido. O ataque foi de tal forma eficaz que, volvidas cinco voltas, o belga regressava à liderança da corrida na travagem para a primeira curva.

O líder do Campeonato perdeu algum terreno, mas na última volta aumentou o ritmo para esboçar a ultrapassagem na Curva 8, mas sem sucesso. Quase já se tempo, Zarco não descolou, mas acabou por não ter os argumentos necessários para assinar a quinta vitória da época e teve de se contentar com a segunda posição, o que ainda assim representou o oitavo pódio consecutivo de uma temporada de grande regularidade.

Enquanto isso, logo atrás, na última curva, viviam-se, por ventura, as emoções mais fortes da corrida. O Campeão do Mundo Tito Rabat, que tinha partido da nona posição da grelha e fez uma prova de recuperação, estava muito perto de Morbidelli, levando mesmo a crer que ainda poderia terminar a prova germânica no pódio.

Contudo, o italiano, que perdeu muito terreno nos momentos finais, perdeu a frente e caiu acabando por levar consigo o espanhol da Estrella Galicia 0,0 Marc VDS que não teve como evitar a colisão, sendo depois encaminhado para a Clínica Móvel para avaliação da fractura na clavícula direita que contraiu em acidente de treino em Almería há uma semana passada.

Com este contratempo, o mais baixo do pódio acabou literalmente por sorrir a Alex Rins. O espanhol da Páginas Amarillas HP40 acabou assim por garantir o quinto pódio da época e segundo consecutivo.

Atrás dele, Simone Corsi (Athinà Forward Racing) e Sam Lowes (Speed Up Racing) completaram a lista dos cinco primeiros, com Thomas Luthi (Derendinger Racing Interwetten) e Takaaki Nakagami (Indemitsu Honda Team Asia) a fazerem com que fossem sete as nacionalidades diferentes representadas no Top 7.

Lorenzo Baldassarrri (Athinà Forward Racing), Julian Simon (QMMF Racing Team) e Dominque Aegerter (Technomag Racing Interwetten) foram os restantes nomes dos dez primeiros, enquanto Sandro Cortese, da Dynavolt Intact GP, foi o melhor representante da casa ao terminar na 11ª posição.

Em termos de Campeonato, Zarco segue na frente, agora com 179 pontos, mais 65 que Tito Rabat, com Sam Lowes em terceiro (107), seguido de Alex Rins (103) e Thomas Luthi (99).

Veja os resultados da Corrida de Moto2™.

Tags:
Moto2, 2015, GoPro MOTORRAD GRAND PRIX DEUTSCHLAND, RAC, Xavier Simeon, Alex Rins, Johann Zarco, Federal Oil Gresini Moto2, Ajo Motorsport, Paginas Amarillas HP 40

Outras actualizações que o podem interessar ›