Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Smith e Espargaró vencem 8 Horas de Suzuka

Smith e Espargaró vencem 8 Horas de Suzuka

A Yamaha triunfou nas míticas 8 Horas de Suzuka enquanto Casey Stoner cai na sua quinta volta.

No regresso às 8 Horas de Suzuka como formação de fábrica, a Yamaha reclamou a pole position com uma marca de 2:06,000s por parte de Pol Espargaró. Este incrível tempo representou novo recorde do traçado nipónico, com ele e o colega de equipa Katsuyuki Nakasuga a rodarem mais rápidos que qualquer outro na qualificação. A maior parte dos pilotos de MotoGP™ que alinha nas 8 Horas de Suzuka terminaram nos dez primeiros na qualificação, muitos a rodarem a apenas alguns décimos dos muito experientes colegas de equipa japoneses.

A corrida, interrompida por seis vezes com safety cars, viu a formação de Fábrica da Yamaha terminar na primeira posição ao cabo das 8 Horas de 204 voltas. Esta foi a primeira vitória da marca dos três diapasões na lendária corrida de resistência desde 1996, altura em que Noriyuki Haga e Colin Edwards ganharam. Bradley Smith teve a honra de terminar a corrida na moto, com a reacção da equipa no pódio a ser bem demonstrativa da importância da prova.

A edição de 2015 das 8 Horas de Suzuka começaram de forma dramática com as equipas mais importantes a começarem bem, excepto a Yamaha Factory Team que lutou para ligar a moto. Muitos dos grandes nomes lutaram pela liderança com Alex Lowes, da Yoshimura Suzuki, a liderar quando os pilotos começaram a terminar os primeiros turnos.
 
Takumi Takahashi levou a Honda #634 da MuSASHi RT HARC-PRO às boxes e Casey Stoner fez o muito esperado regresso ás corridas, ganhando posições rapidamente. Contudo, o regresso foi sol de pouca dura já que o bi-Campeão do Mundo de MotoGP caiu no Gancho depois do acelerador ter ficado preso, o que resultou na destruição da moto e obrigou à entrada do safety car em pista. Stoner tinha completado apenas cinco voltas do seu turno e foi retirado do local em maca após ter fracturado a omoplata direita e tíbia esquerda.

Com o regresso do safety car às boxes, Bradley Smith e o australiano Josh Hook, da F.C.C TSR Honda, começaram acesa luta pela liderança. Smith mostrou aprender depressa ao adaptar-se bem aos desafios únicos de uma corrida de resistência, tal como rodar em pista com o safety car e ter de dobrar vários retardatários, alguns deles dez segundos por volta mais lentos.

A partir daqui a corrida acalmou durante as seis horas que se seguiram, com a formação de Fábrica da Yamaha a lutar com a F.C.C TSR Honda pela liderança à geral, se bem que a Yoshimura Suzuki mantinha-se por perto. Espargaró liderou sem oposição enquanto rodou de forma consistente nos 2:09s no seu primeiro turno e garantiu margem confortável antes do aparecimento do safety car em pista pela terceira vez, momento em que os 20 segundos de vantagem se converteram em apenas dois.

Smith foi penalizado com um stop and go de 20 segundos pela ultrapassagem de um colega de equipa sob bandeiras amarelas a meio da corrida, o que o relegou para a segunda posição e promoveu a F.C.C TSR e Dominique Aegerter ao primeiro lugar. Contudo, esta liderança não durou muito já que Smith não demorou a apanhar e passar o antigo rival da Moto2™. As duas equipas trocaram de posições ocasionalmente aquando das idas às boxes, mas a Yamaha levou a melhor no final ao apresentar um ritmo mais forte ao longo da corrida.
 
Dominique Aegerter e a F.C.C TSR Honda terminaram em segundo; ele e Josh Hook usaram uma estratégia de dois pilotos por oposição à de três da Yamaha. O pódio contou ainda com o Team Kagayama, que garantiu a terceira presença consecutiva nos três primeiros das 8 Horas de Suzuka.

Esta foi também a 10ª vitória consecutiva da Bridgestone. A YART, com o antigo piloto de MotoGP™ Broc Parkes, foi das primeiras a desistir devido a problemas mecânicos. Toni Elias foi 14º com a TOMO Racing, enquanto Azlan Shah foi 18º.

Tags:
MotoGP, 2015, Katsuyuki Nakasuga, Pol Espargaro, Kyle Smith, Bradley Smith, Dominique Aegerter, Monster Yamaha Tech 3, Technomag Racing Interwetten

Outras actualizações que o podem interessar ›

motogp.com
O toque de Ajo

2 anos ago

O toque de Ajo