Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Márquez: “Vi desde início que teria de puxar no final”

Márquez: “Vi desde início que teria de puxar no final”

O espanhol da Repsol Honda regressou às vitórias e manteve invencibilidade em Indinápolis após grande luta com Lorenzo.

O Campeão do Mundo Marc Márquez esteve em muito bom plano ao longo do fim‑de‑semana e depois de rodar na cola de Jorge Lorenzo durante as primeiras 24 voltas do Red Bull Grande Prémio de Indianápolis passou para a frente.

Sem dar hipóteses ao compatriota, Márquez aumentou o andamento para levar de vencida a corrida de forma incontestável e, com isso, chegar à terceira posição da geral.

Marc Márquez: “Na Qualificação, Warm Up e FP4 consegui rodar no segundo 32 alto e 33 baixo. O ritmo dele [Lorenzo] estava constante no segundo 33 baixo, mas melhorou na corrida e conseguiu andar no 32 alto. Vi desde o início que tinha de puxar no final porque era impossível criar uma vantagem. A três voltas do final passei-o e puxei um pouco mais na última volta.”

Tags:
MotoGP, 2015, RED BULL INDIANAPOLIS GRAND PRIX, RAC, Marc Marquez, Repsol Honda Team

Outras actualizações que o podem interessar ›