Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Pedrosa: “Tivemos de lutar muito com a moto”

Pedrosa: “Tivemos de lutar muito com a moto”

Pedrosa falhou o pódio por pouco após batalha com Rossi ao longo de toda a corrida do Red Bull GP de Indianápolis.

Mais um forte fim‑de‑semana por parte de Dani Pedrosa (Repsol Honda Team), que está agora totalmente recuperado da operação ao síndroma compartimental no início do ano. Não só Pedrosa ultrapassou a lesão, como ele e a Repsol Honda Team trabalharam de forma incansável para melhorar a Honda de 2015, suavizando o carácter agressivo da moto. O espanhol acreditava num forte resultado vindo da segunda posição da grelha.

Uma incrível partida por parte de Jorge Lorenzo (Movistar Yamaha MotoGP) viu Pedrosa ser relegado para terceiro enquanto Lorenzo e Marc Márquez se isolavam Pedrosa manteve-se firma na posição durante a maior parte da corrida, mas teve de lidar com a recuperação constante de Valentino Rossi (Movistar Yamaha MotoGP). À décima volta Rossi iniciou o ataque e ambos levaram a cabo grande batalha. Um pequeno erro na Curva 10 permitiu a Rossi passar na penúltima volta e Pedrosa, por mais que tentasse, não teve como recuperar.

Dani Pedrosa: “Foi uma corrida muito física. Tivemos de lutar muito com a moto porque a aderência era complicada. A surpresa foi o Valentino. Sabia que o meu ritmo estava um pouco mais lento que o do Marc e do Lorenzo, mas depois dos treinos pensei que talvez pudesse estar um pouco mais perto. Contudo, o Valentino deu um grande passo em frente, como é usual, e tivemos de lutar pelo pódio; na última volta ele passou-me e não consegui responder. Estou contente pela Honda, que atingiu a 700ª vitória; é uma honra ter feito parte desta impressionante estatística!”

Tags:
MotoGP, 2015, RED BULL INDIANAPOLIS GRAND PRIX, RAC, Dani Pedrosa, Repsol Honda Team

Outras actualizações que o podem interessar ›