Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Smith continua com a Tech3 em 2016

Smith continua com a Tech3 em 2016

Bradley Smith vai continuar com a Monster Yamaha Tech3 em 2016 após ano de sucesso no MotoGP™.

Bradley Smith e a Monster Yamaha Tech3 Team chegaram a acordo para o britânico continuar com a equipa durante a época de 2016 aos comandos da Yamaha YZR-M1. A extensão do contrato surge quando Smith está a levar a cabo a mais bem sucedida época de MotoGP™ da carreira, onde o pior resultado foi um oitavo lugar.

O britânico ocupa a quinta posição da geral, liderando entre os pilotos satélite depois de ter levado a cabo algumas prestações muito positivas. Na próxima época a estrela inglesa leva a cabo o quarto ano na categoria rainha com a Monster Yamaha Tech3 Team, a sexta no total contando ainda com os dois anos que passou com a Tech3 Racing Moto2 Team em 2011.

No primeiro ano no MotoGP™ Smith terminou com o maior total pontos no que toca a britânicos estreantes e deu continuidade ao sucesso com mais uma campanha digna de nota em 2014, com o ponto alto a ser o pódio em Phillip Island. O britânico fez parte da equipa Yamaha Factory Racing nas 8 Horas de Suzuka, corrida que venceu. Smith vai agora concentrar-se nas restantes rondas que tem pela frente este ano e tentar aproximar-se o máximo possível das máquinas de fábrica antes de almejar pódios com a Yamaha YZR-M1 em 2016.

Bradley Smith: “É claro que estou muito contente por poder continuar esta caminhada com a Monster Yamaha Tech3 Team por mais um ano e isso é uma notícia fantástica. Vamos para o sexto ano juntos e tenho de dizer que é mesmo muito bom estar a dar à equipa os resultados que merecem. Até ao momento em 2015 tenho terminado onde queríamos, o que é muito positivo; estou em dívida para com eles pelos dois primeiros anos na categoria rainha! Todos os elementos da equipa confiaram em mim outra vez e sabemos que 2016 vai ser complicado devido às alterações de regulamento, mas acredito que isso vai dar mais possibilidades aos pilotos satélite para serem competitivos. Assim, estou confiante na próxima temporada porque sei que será tudo mais justo, vamos continuar a trabalhar em conjunto e queremos levar os patrocinadores ao pódio. Será um ano emocionante e estou muito contente por poder rodar com a Yamaha YZR-M1 e com a Monster Yamaha Tech3 Team.”

Tags:
MotoGP, 2015, OCTO BRITISH GRAND PRIX, Bradley Smith, Monster Yamaha Tech 3

Outras actualizações que o podem interessar ›

motogp.com
HITTING THE APEX - Trailer

1 ano ago

HITTING THE APEX - Trailer

motogp.com
#BritishGP: O desempate

1 ano ago

#BritishGP: O desempate