Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Navarro estreia-se na pole

Navarro estreia-se na pole

Jorge Navarro conquistou fenomenal pole no circuito de Silverstone e com mais de meio segundo de margem sobre Karel Hanika e Danny Kent.

Com o tempo a apresentar-se seco para a importante qualificação deste sábado, os pilotos da Moto3™ deram o máximo para garantirem as melhores posições na grelha de partida para o Octo Grande Prémio de Inglaterra, 12ª jornada da época, no que foi um fantástico espectáculo ao longo dos 5,9 km do circuito de Silverstone.

No final dos 40 minutos de trabalho foi Jorge Navarro quem levou a melhor sobre os demais. O espanhol da Estrella Galicia 0,0, que andou sempre entre os da frente nas três sessões de livres, já tinha dado indícios ao longo da qualificação que iria dar tudo para marcar presença na primeira linha da grelha e a verdade é que não só o conseguiu, como superou tudo e todos com um tempo absolutamente canhão. Não satisfeitos com a primeira posição da grelha, Navarro deixou a concorrência a mais de meio segundo de distância e pulverizou o anterior recorde do traçado, assinado por Alex Rins em 2014, em 0,672s ao rodar nuns rapidíssimos 2:12,440s.

Enquanto isso, Karel Hanika, que melhorou muito na última sessão de livres, também deu nas vistas esta tarde. O colega de equipa de Miguel Oliveira na Red Bull KTM Ajo foi o melhor representante da marca austríaca, um feito que conseguiu mesmo ao cair do pano e que lhe permitiu garantir a melhor qualificação da época com a segunda posição. Atrás do checo vai partir Danny Kent. O líder isolado da classificação geral ainda chegou a deter a pole provisória bem perto do final da sessão, mas não tirou o melhor partido do factor casa e viu-se relegado para o terceiro posto a 0,604s da pole.

A segunda linha da gelha é liderada pelo colega de equipa de Kent, Efrén Vázquez. O espanhol da Leopard Racing foi um dos sete nomes que passou pela pole provisório, mas no final acabou por ter de se contentar com a quarta posição, a 0,684s da frente, o que não deixou de ser o seu melhor resultado do fim‑de‑semana. Atrás dele, a meros 0,020s de distância, vai partir o compatriota Isaac Viñales. O jovem da RBA Racing Team foi outro dos nomes a passar pela liderança da tabela de tempos, mas no final da sessão também acabou por não conseguir os argumentos necessários para superar os rivais e terminou a 0,704s de Navarro. A fechar a segunda linha e já a mais de um segundo da pole ficou Alexis Masbou. O gaulês da Saxoprint RTG continua assim longo da prestação que lhe valeu a pole e vitória na abertura da época, no Qatar.

Entretanto, a terceira linha da grelha é liderada pelo segundo da geral. Enea Bastianini está a conseguir lidar bem com o circuito britânico. Depois da quinta posição na FP1, o italiano da Gresini Racing Team Moto3 foi 26ª na FP2 e 19º na FP3, pelo que a sétima posição não deixa de representar uma melhoria, se bem que está a 1,085s da frente. Ainda assim, Bastianini conseguiu superar o compatriota Romano Fenati. O piloto da SKY Racing Team VR46 ainda chegou a rodar com um tempo que lhe daria a pole provisória, mas ao ter de acabar a última volta rápida sozinho, com pista limpa pela frente e sem cone de ar, acabou por terminar a 1,108s de Navarro.

A fechar a terceira linha está Miguel Oliveira. O português até esteve em bom plano no primeiro dia de acção em Silverstone, mas parece não ter encontrado as melhores soluções para o traçado neste sábado já que depois de ter terminado a FP3 em 17º, na qualificação não conseguiu melhor que o nono lugar, a 1,151s da pole e com escassos 0,002s de vantagem sobre o colega de equipa Brad Binder, que fechou a lista dos dez primeiros.

Veja os resultados da qualificação da Moto3™ em Silverstone.

Tags:
Moto3, 2015, OCTO BRITISH GRAND PRIX, QP, Karel Hanika, Jorge Navarro, Danny Kent, Estrella Galicia 0,0

Outras actualizações que o podem interessar ›

motogp.com
Tributo a Garriga

1 ano ago

Tributo a Garriga