Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Lorenzo: “Não fiquei muito satisfeito”

Lorenzo: “Não fiquei muito satisfeito”

Novos componentes e novo piso viram Jorge Lorenzo voar no circuito de Misano com novo recorde da pista.

A edição de 2015 do Grande Prémio TIM de São Marino e da Riviera di Rimini disputa-se com novo asfalto no circuito de Misano, o que proporciona maior aderência e menos ressaltos, algo que se tinha revelado problemático nos últimos anos. Jorge Lorenzo entrou logo no ritmo naquela que é uma das suas pistas mais preferidas e de maior sucesso. Na FP1 terminou colado a Marc Márquez (Repsol Honda Team), mas com ideias claras de como melhorar na FP2.

Não só Lorenzo alterou a afinação da sua Yamaha M1 na FP2, como a equipa introduziu também as novas aletas aerodinâmicas testadas em Aragão. A combinação de ambas as coisas levou Lorenzo a rodar em 1:32,871s para terminar o dia no topo da tabela de tempos e com a melhor volta de sempre de uma moto ao traçado. Mesmo assim, o piloto não se mostrou satisfeito depois de ter efectuado 11 voltas no segundo 33 na FP2 – o melhor ritmo de corrida de qualquer piloto.

Jorge Lorenzo: “Fomos rápidos desde o início da sessão da manhã e gosto do novo piso; julgo que é favorável ao meu estilo de pilotagem. Testámos algumas afinações diferentes de tarde que não me deixaram muito satisfeito, mas mesmo com um acerto longe do perfeito conseguimos um ritmo rápido e constante com ambos os pneus. Primeiro rodámos com slick posterior duro e no final usámos o macio e acabámos por terminar em primeiro lugar. Creio que, se conseguirmos melhorar a moto, podemos dar outro passo em frente amanhã. Ainda estamos a experimentar as aletas para compreender os benefícios.”

Tags:
MotoGP, 2015, GRAN PREMIO TIM DI SAN MARINO E DELLA RIVIERA DI RIMINI, Jorge Lorenzo, Movistar Yamaha MotoGP

Acompanhe a história ›

Outras actualizações que o podem interessar ›