Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Bastianini na pole em casa

Bastianini na pole em casa

Enea Bastianini conquistou a 3ª pole da época à frente de Brad Binder e do líder da classificação Danny Kent.

A muito disputada sessão de qualificação do Grande Prémio TIM de São Marino e da Riviera de Rimini desta tarde de sábado viu sete pilotos lutarem entre si pela pole position para a corrida de domingo, a 13ª do ano, com o piloto da casa Bastianini a levar a melhor.

O italiano da Gresini Racing Team Moto3 garantiu a terceira pole da época mesmo ao cair do pano da sessão, mas já tinha passado pela liderança da qualificação. Bastianini acabou por rodar em 1:42,486s, ficando a pouco mais de dois décimos de segundo do novo recorde do traçado estabelecido pelo líder da geral, Danny Kent, na última sessão de livres desta manhã.

Ao lado do transalpino vai partir Brad Binder. O sul-africano da Red Bull KTM Ajo esteve perto de assinar a primeira pole da carreira com os 1:42,523s registados a cerca de minuto e meio do final, mas acabou por terminar o treino na segunda posição, a 0,037s da frente. Enquanto isso, a fechar a primeira linha da grelha está o britânico da Leopard Racing. Kent, que foi o mais lesto dos treinos livres, esteve rápido na qualificação, mas curiosamente nunca chegou a passar pela pole provisória ao longo dos 40 minutos de trabalho.

A segunda linha da grelha de partida é composta por três pilotos que chegaram a liderar a qualificação. Niccolò Antonelli, da Ongetta-Rivacold, foi o quinto a assumir a pole provisória ao longo deste início de tarde, mas depois de três passagens pela P1 ficou-se pelo quarto posto a 0,326s da frente e meros três centésimos da primeira linha.

Atrás dele outro herói da casa. Romano Fenati foi o terceiro líder da sessão, mas sem conseguir melhorias de tempo tão significativas como os rivais, o piloto da SKY Racing Team VR46 só por uma vez liderou o treino e no final teve de se contentar com o quinto posto, a 0,497s do compatriota Bastianini. A fechar a segunda linha está Miguel Oliveira. O português e colega de equipa de Binder foi o segundo a liderar os trabalhos e passou pela primeira posição por três vezes, mas no final deu por si em sexto, a 0,522s da frente.

A terceira linha será composta pelo colega de equipa de Kent, Efrén Vázquez (+0,588s), Lorenzo dalla Porta, da Husqvarna Factory Laglisse (+0,725s), e o germânico Philipp Oettl, da Schedl GP Racing (+0,741s). A fechar o Top 10 ficou o terceiro piloto da Leopard Racing, o nipónico Hiroki Ono, que rodou a 0,785s da pole numa sessão onde 15 primeiros terminaram a menos de um segundo de Bastianini.

Enquanto isso, quem não rodou foi Jorge Navarro. O espanhol da Estrella Galicia 0,0 sofreu aparatosa queda ontem e não recebeu luz verde para ir para a pista. Por falar em quedas, Karel Hanika (Red Bull KTM Ajo) e Andrea Locatelli (Gresini Racing Team Moto3) caíram juntos no início da sessão, na Curva 10. Pouco tempo depois foi também a vez de Vázquez ir ao chão.

Depois da sessão a Direcção de Corrida decidiu penalizar Hiroki Ono e Jerge Martín (Mapfre Team Mahindra) em três lugares na grelha de partida e a perder 10 minutos do Warm Up por rodarem demasiado devagar na linha de trajectória. Jakub Kornfeil (Drive M7 SIC) viu a sua qualificação ser cancelada por infracção técnica e vai ter de partir do final da grelha.

Resultados da Qualificação de Moto3™.

Tags:
Moto3, 2015, GRAN PREMIO TIM DI SAN MARINO E DELLA RIVIERA DI RIMINI, QP, Enea Bastianini, Brad Binder, Danny Kent, Gresini Racing Team Moto3

Outras actualizações que o podem interessar ›