Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Pilotos de MotoGP™ terminam último teste Michelin

Pilotos de MotoGP™ terminam último teste Michelin

Os pilotos da categoria rainha terminaram hoje o último teste da Michelin antes do arranque da época de 2016.

Um grupo de 14 pilotos do MotoGP™ ficou no MotorLand Aragón após o Grande Prémio de domingo para levar a cabo o último teste da Michelin na presente época antes da marca gaulesa passar a ser a fornecedora oficial de borrachas para o Campeonato a partir de 2016.

O último teste tinha inicialmente sido marcado para Brno, há seis semanas, mas a forte chuva que se fez sentir levou a adiar o ensaio para após a corrida de Aragão. Sendo a última oportunidade de testar com os pneus antes do primeiro ensaio de Inverno após a corrida de Valência em Novembro, era vital os pilotos darem as suas opiniões sobre a fase final do desenvolvimento.

A Michelin apresentou quatro slicks frontais e três traseiros diferentes para serem experimentados por pilotos como Valentino Rossi, da Movistar Yamaha, e Marc Márquez, da Repsol Honda. Os outros participantes foram Dani Pedrosa (Honda), Andrea Dovizioso (Ducati), Aleix Espargaró (Suzuki), a dupla da Aprilia, Stefan Bradl e Álvaro Bautista, os homens da Monster Yamaha Tech3, Bradley Smith e Pol Espargaró, Scott Redding (Estrella Galicia 0,0), os pilotos da da LCR, Cal Crutchlow e Jack Miller, bem como Danilo Petrucci (Pramac Ducati). O vencedor da corrida de ontem, Jorge Lorenzo, optou por não participar no teste.

O Director Técnico da Michelin Racing, Nicolas Gouber, comentou:

“É uma pista nova para nós. Está no calendário há alguns anos, mas não estávamos na competição quando passou a fazer parte do campeonato. Trouxemos material que testámos em Misano, pelo que a maior parte já tinha sido avaliado – só apresentámos uma nova opção para a frente e um conjunto de três pneus traseiros diferentes. Vamos tentar abranger situações diferentes e tentar ver o que pode ser um bom compromisso entre boa prestação e boa consistência.”

“Diria que agora os perfiles estão mais ou menos decididos. Assim, para o posterior é principalmente composto. Basicamente estamos a testar diferentes compostos para se adaptarem às condições e ao desenho da pista. E para os frontais foram principalmente dois compostos diferentes que trouxemos com construções diferentes, já que ainda estamos a tentar melhorar a frente; ainda temos alguns problemas e temos de continuar a melhorar.”

Tags:
MotoGP, 2015

Outras actualizações que o podem interessar ›

motogp.com
Zarco: “Senti a pressão”

1 ano ago

Zarco: “Senti a pressão”