Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Gardner: “Nunca vi um título tão disputado”

Gardner: “Nunca vi um título tão disputado”

Wayne Gardner, Chris Vermeulen e Troy Bayliss dizem o que pensam da luta pelo coroa de MotoGP™ entre Rossi e Lorenzo.

Um trio de australianos com vitórias no Campeonato do Mundo de motociclismo declaram a luta pela coroa do MotoGP™ entre Valentino Rossi e Jorge Lorenzo como extremamente renhida.

O nove vezes Campeão do Mundo Rossi lidera com 14 pontos de vantagem sobre o colega de equipa na Yamaha, Lorenzo, quando faltam disputar quatro Grandes Prémios, um deles o Pramac Grande Prémio da Austrália, a disputar em Phillip Island de 16 a 18 de Outubro.

Em declarações ao podcast ‘Keeping Track, o Campeão do Mundo de 500cc de 1987, Wayne Gardner, em conjunto com os compatriotas e vencedores de corridas de MotoGP™ Troy Bayliss e Chris Vermeulen, acreditam que a luta pelo ceptro se vai estender até ao final, em Valência, no próximo mês.

“Estou nisto há 40 e tal anos e nunca vi um título tão disputado antes,” disse Gardner. “Se fossem dois construtores e motos diferentes, talvez fosse de leitura mais fácil.”

“Gostava de ver o Jorge vencer porque é o piloto mais incrível em termos de suavidade e talento, mas não podemos sobrestimar o Valentino e o ataque nas últimas corridas. É mesmo de atirar a moeda ao ar. Penso que vai ser impróprio para cardíacos até ao final.”

Bayliss, que será o anfitrião do Australian Motorcycle Finance Troy Bayliss Invitational GP que se integra no programa do 16º GP do ano, sente que Rossi pode garantir o primeiro ceptro de MotoGP™ desde 2009.

“Pessoalmente gostava muito de ver o Valentino vencer porque a carreira dele está a chegar ao fim e já provou a todos que ainda é capaz de ganhar,” disse Bayliss. “Ele está em forma, mas não vai ser fácil.”

Lorenzo bateu Rossi por 7-6 nas 13 corridas em que ambos terminaram este ano e Vermeulen acredita que o ritmo do espanhol vai suplantar ‘The Doctor’. 

“Quando (o Lorenzo) domina… ele tem liderado corridas de início a fim e temos de esperar mais uma ou duas dessas este ano. Se me perguntam em que apostaria, diria que era no Lorenzo até ao final do ano.”

Vermeulen também avaliou a época de estreia de Jack Miller no MotoGP™, enquanto Gardner falou do futuro imediato do seu filho de 17 anos, Remy, que está a competir esta época na Moto3™.

Wayne Gardner sobre o vencedor de 2015 do MotoGP: 
<iframe width="100%" height="450" scrolling="no" frameborder="no" src="https://w.soundcloud.com/player/?url=https%3A//api.soundcloud.com/tracks/227137488&amp;auto_play=false&amp;hide_related=false&amp;show_comments=true&amp;show_user=true&amp;show_reposts=false&amp;visual=true"></iframe>

Tags:
MotoGP, 2015, Valentino Rossi, Chris Vermeulen, Jorge Lorenzo, Troy Bayliss, Wayne Gardner

Outras actualizações que o podem interessar ›

motogp.com
Zarco volta a tentar no Japão

1 ano ago

Zarco volta a tentar no Japão