Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Antonelli vence no Japão

Antonelli vence no Japão

O italiano impôs-se com autoridade e deu o título de construtores à Honda ao bater Oliveira e Navarro.

A 15ª jornada do Campeonato do Mundo de Moto3™, disputada este domingo no Twin Ring Motegi, terminou com a vitória de Niccolò Antonelli (Ongetta-Rivacold) e com Miguel Oliveira (Red Bull KTM Ajo) e Jorge Navarro (Estrella Galicia 0,0) a completarem o pódio de uma corrida que se viu reduzida a 13 voltas devido aos atrasos provocados pela neblina e chuva que se fizeram sentir no traçado nipónico durante as primeiras horas da manhã.

Isaac Viñales (RBA Racing), Zulfahmi Khairuddin (Drive M7 SIC) e o líder do campeonato Danny Kent (Leopard Racing) foram os três nomes que se seguiram na classificação, com o Top 10 a contar ainda com Enea Bastianini (Gresini Racing Team Moto3), Karel Hanika (Red Bull KTM Ajo), John Mcphee (SaxoPrint RTG) e Efrén Vázquez (Leopard Racing).

Na partida, Antonelli saltou para a liderança da corrida, seguido de Oliveira, Bastianini, Livio Loi (RW Racing GP), Viñales, Jakub Kornfeil (Drive M7 SIC), Brad Binder (Red Bull KTM Ajo) e Hiroki Ono (Leopard Racing), com o italiano a contar com quase um segundo de vantagem sobre o grupo aquando do final da primeira volta.

À segunda volta o grupo perseguidor era liderado por Loi, com o piloto da casa Ono, Oliveira e Viñales colados na sua roda. Pouco depois assistiu-se às quedas de Ono, Mizuno e Fenati, enquanto Bastianini era sétimo e Kent 15º.

Antes da quinta volta Antonelli tinha já uma vantagem na casa dos quatro segundos e assinava nova volta rápida. Loi foi o seguinte a ir ao chão, o mesmo se passando depois com Lorenzo Dalla Porta (Husqvarna Factory LaGlisse), isto enquanto Viñales, que era então terceiro, era relegado para quarto por Brad Binder.

Completadas nove das 13 voltas programadas Navarro assinava a volta rápida da corrida, com Antonelli intocável na frente e Oliveira e Binder nas restantes posições do pódio e Viñales na roda do sul-africano.

Enquanto isso, os dois primeiros da geral, Bastianini e Kent, rodavam já em sétimo e 10º, respectivamente, situação que não servia ao britânico para assegurar o ceptro.

Pouco depois era a vez de Binder ir ao chão, o que deixava Viñales em terceiro a 1,4s de Oliveira na segunda posição. Quem também acabava por ir ao chão era Remy Gardner (CIP).

Nos momentos finais da corrida Kent chegava à roda de Bastianini, enquanto Viñales acabava por ser o piloto seguinte a ir ao chão na Curva 10, o que dava a Navarro o terceiro posto. Contudo, Viñales logrou levantar a moto e voltar à corrida para terminar em quarto.

Na última volta Antonelli manteve a primeira posição para garantir o terceiro triunfo do ano, à frente de Oliveira e Navarro, enquanto Kent superava Bastianini.

Com a vitória Antonelli garantiu o ceptro de construtores para a Honda, um título que a marca não ganhava desde 2001.

Em termos de Campeonato, Kent continua líder com 244 pontos, seguido de Bastianini com 188 e do novo terceiro, Oliveira, com 179.

Vê aqui os resultados da Corrida de Moto3™ e a Classificação do Campeonato.

Tags:
Moto3, 2015, MOTUL GRAND PRIX OF JAPAN, RAC, Niccolò Antonelli, Miguel Oliveira, Jorge Navarro, Ongetta-Rivacold

Outras actualizações que o podem interessar ›