Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Iannone: “Seguir o Jorge ajudou-me a melhorar”

Iannone: “Seguir o Jorge ajudou-me a melhorar”

Andrea Iannone fez excelente uso do cone de ar para garantir a segunda posição da grelha para o Pramac Grande Prémio da Austrália.

Pela quinta vez em 2015 o piloto da Ducati Team vai partir para uma corrida da primeira linha, isto depois de ter rodado em 1:28,680s para garantir a segunda posição. O tempo de Andrea Iannone surgiu numa volta feita atrás de Jorge Lorenzo (Movistar Yamaha), com ambos a assinarem tempos iguais e em situações como esta, o piloto que assina a segunda melhor volta é o que garante a melhor posição da grelha. Como tal, Iannone vai partir da segunda posição enquanto busca a glória num traçado onde a Ducati chegou à glória com Casey Stoner, mas no qual não vence desde 2010.

Andrea Iannone: “Foi uma qualificação muito positiva mim; era mesmo importante conseguir partir da primeira linha. Espero ser capaz de fazer boa partida porque aqui é essencial. Seguir o Jorge ajudou-me a melhorar o meu tempo, mas estivemos rápidos todo o fim‑de‑semana em todas as sessões; trabalhámos bem e melhorámos a moto constantemente. Na corrida terei de ser rápido desde o início, isso é importante nesta pista. De todas as formas, estou mesmo contente: queria agradecer a todo o pessoal da equipa que, apesar de algumas dificuldades, consegue sempre encontrar as soluções certas, mesmo no último minuto.”

Tags:
MotoGP, 2015, PRAMAC AUSTRALIAN MOTORCYCLE GRAND PRIX, Q2, Andrea Iannone, Ducati Team

Outras actualizações que o podem interessar ›