Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Oliveira: “Foi uma corrida de loucos!”

Oliveira: “Foi uma corrida de loucos!”

O português converteu-se no único rival de Kent na luta pelo ceptro da Moto3™ após quarta vitória do ano na Austrália.

Miguel Oliveira (Red Bull KTM Ajo) terminou o Pramac Grande Prémio da Austrália na primeira posição, garantindo assim o quarto pódio consecutivo depois do segundo lugar de São Marino, do triunfo de Aragão e de novo segundo lugar em Motegi. Um conjunto de resultados que contrasta claramente com os dois sextos postos e duas desistências de Kent em igual período.

O português, que este domingo garantiu a quarta vitória da temporada, impediu Danny Kent (Leopard Racing), que sofreu queda, de conquistar o ceptro da Moto3™ e passou a ser o único capaz de superar o britânico até ao final do ano dados os 40 pontos que os separam a duas corridas do final da temporada.

Miguel Oliveira: “Acabei de saber que ainda há campeonato. Nem consigo acreditar na loucura de corrida que acabámos de viver. Dei conta que o grupo da frente não era muito grande e relaxei um pouco, mas queria na mesma acabar nas duas primeiras posições. Nas últimas voltas mantive um pouco de distância e consegui defender a minha posições. Estou muito contente pela equipa e por esta grande vitória.”

Tags:
Moto3, 2015, PRAMAC AUSTRALIAN MOTORCYCLE GRAND PRIX, RAC, Miguel Oliveira, Red Bull KTM Ajo

Outras actualizações que o podem interessar ›