Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Luthi: “Foi uma das corridas mais difíceis”

Luthi: “Foi uma das corridas mais difíceis”

Tom Luthi regressou ao pódio, mas não foi capaz de travar Johann Zarco na última volta do Shell Grande Prémio da Malásia.

Vindo da pole, Tom Luthi fez excelente partida no GP da Malásia para liderar a maior parte da corrida. Johann Zarco (Ajo Motorsport) conseguiu manter-se com o suíço nas primeiras voltas, mas Luthi acabou por fugir dele também. Parecia o suficiente para o piloto da Derendinger Racing Interwetten vencer, mas a cinco voltas do final Zarco iniciou o ataque e Luthi não conseguiu resistir.

Thomas Luthi: “Foi uma das corridas mais difíceis da minha carreira, talvez a mais difícil. Não tanto pelo calor, estou bem preparado para lidar com estas situações, mas por causa da pressão do Johann durante toda a corrida. Não colocamos o nome da pessoa atrás de mim na placa de box, apenas a diferença, mas sabia que só podia ser ele a acompanhar o meu ritmo. Nestas condições tenho muito orgulho da minha prestação, não cometi erros. Foi cada vez mais difícil, mas disse a mim próprio que se é difícil para mim também tem de o ser para ele. No final o Zarco esteve um pouco melhor que eu, a corrida foi decidia por curta margem.”

Tags:
Moto2, 2015, SHELL MALAYSIA MOTORCYCLE GRAND PRIX, RAC, Thomas Luthi, Derendinger Racing Interwetten

Outras actualizações que o podem interessar ›