Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Rossi e Lorenzo lutam até ao cair do pano

Rossi e Lorenzo lutam até ao cair do pano

A luta pelo título de MotoGP™ de 2015 entre Valentino Rossi e Jorge Lorenzo vai estender-se até ao cair do pano no GP de Valência.

Em 67 anos de história do Campeonato do Mundo só por 16 vezes o ceptro da categoria rainha se decidiu na última corrida da época. Em 2015, após um dos anos mais emocionantes de sempre da categoria rainha, os colegas de equipa da Movistar Yamaha e rivais Rossi (312 pontos) e Lorenzo (305) vão para o Motul Grande Prémio da Comunidade Valenciana separados por apenas sete pontos. A vantagem de Rossi é a mais curta que alguma vez houve entre os dois primeiros à chegada à última jornada do Mundial desde 1992.

O circuito Ricardo Tormo já por duas vezes foi palco da decisão do título desde que passou a receber a última jornada do ano em 2002. Em 2006 quando Rossi perdeu para Hayden e em 2013 quando Marc Márquez se sagrou Campeão enquanto estreante após duelo com Lorenzo ao longo de toda a temporada. Mas a verdade é que, por mais emocionantes que essas lutas tenham sido, não chegam aos calcanhares do actual duelo com todo o drama e tensão a que se tem assistido nesta que é uma das mais espectaculares temporadas da história do Campeonato do Mundo.

Na pretérita jornada, o GP da Malásia, Jorge Lorenzo foi segundo, à frente do rival Rossi, reduzindo a diferença de 11 para sete pontos quando há ainda 25 em disputa em Valência. Contudo, o nove vezes Campeão do Mundo Rossi foi penalizado em três pontos pela Direcção de Corrida pelo seu papel no #SepangClash com Marc Márquez. Juntando-os ao ponto que já tinha recebido por rodar devagar na qualificação de Misano, o italiano totalizou quatro e é agora obrigado a partir da última posição da grelha.

No ano passado no GP de Valência Marc Márquez já era Campeão do Mundo e rodou para a vitória à frente de Rossi, que partiu da pole, enquanto Dani Pedrosa completou o pódio. Lorenzo viu-se forçado a desistir depois de ter arriscado a troca para pneus de molhado apenas breve chuva. Mas o espanhol teve azar e a chuva forte nunca chegou, o que fez com que acabasse a corrida mais cedo sem pneus.

Rossi correu em todos GP de Valência desde a introdução deste no calendário em 1999 e terminou no pódio em oito das 16 corridas, mas só por duas vez triunfou no traçado: em 2003 e 2004. O segundo lugar do ano passado foi o seu melhor resultado na pista desde 2009.

Lorenzo venceu por duas vezes em Valência na categoria rainha nas últimas quatro visitas ao traçado, mas também registou duas desistências. O seu outro único pódio de MotoGP™ no circuito foi o terceiro lugar de 2009, mas em 2011 falhou a corrida por lesão. Se Lorenzo conquistar o título torna-se no terceiro piloto da história do Campeonato do Mundo a inverter uma situação de deficit pontual na última jornada do ano; os outros dois foram Wayne Rainey (1992) e Nicky Hayden (2006).

A Conferência de Pré-evento do Motul Grande Prémio da Comunidade Valenciana marca o início da última jornada do ano pelas 17 horas locais de quinta-feira, com a primeira acção em pista de Rossi e Lorenzo marcada para as 09h55 de sexta-feira com os Treinos Livres 1.

Tags:
MotoGP, 2015, GRAN PREMIO MOTUL DE LA COMUNITAT VALENCIANA, Jorge Lorenzo, Valentino Rossi, Movistar Yamaha MotoGP, #TheGrandFinale

Outras actualizações que o podem interessar ›