Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Tribunal Arbitral rejeita pedido de Rossi

Tribunal Arbitral rejeita pedido de Rossi

O Tribunal Arbitral do Desporto rejeitou o pedido de Valentino Rossi para suspensão da execução da decisão dos Comissários FIM.

A 4 de Novembro de 2015 teve lugar uma audiência preliminar na sede do Tribunal Arbitral do Desporto, em Lausanne, sobre o caso Valentino Rossi vs. Fédération Internationale de Motocyclisme. A FIM foi representada pelo seu Director Jurídico, Richard Perret.
 
Após a audiência, o Tribunal Arbitral emitiu uma Ordem de rejeição da aplicação da suspensão solicitada por Rossi em relação à decisão dos Comissários FIM a 25 de Outubro de 2015.

A decisão do Tribunal Arbitral sobre o pedido de de execução na prejudica a atribuição final de méritos do caso.

Ao apelar ao Tribunal Arbitral contra a decisão dos Comissários FIM, Rossi procurava anular ou alterar a decisão dos Comissários FIM tomada no Shell Grande Prémio da Malásia, na qual os Comissários FIM confirmaram os 3 pontos de penalização atribuídos pela Direcção de Corrida a Rossi após o incidente na Curva 14.

A FIM regista a decisão do Tribunal Arbitral do Desporto.

Como consequência desta decisão, no Grande Prémio da Comunidade Valenciana, última prova do Campeonato do Mundo de Grandes Prémios FIM, Rossi vai partir da última posição da grelha.

Tags:
MotoGP, 2015, GRAN PREMIO MOTUL DE LA COMUNITAT VALENCIANA, Valentino Rossi, Movistar Yamaha MotoGP

Outras actualizações que o podem interessar ›