Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Lorenzo ganha 1º assalto do #TheGrandFinale; Rossi 5º

Lorenzo ganha 1º assalto do #TheGrandFinale; Rossi 5º

Jorge Lorenzo terminou no topo das tabelas de tempos combinados de sexta-feira, à frente de Marc Márquez e Dani Pedrosa.

O espanhol da Movistar Yamaha MotoGP levou a melhor no primeiro embate com o colega de equipa Valentino Rossi no arranque deste Grande Prémio Motul da Comunidade Valenciana. Lorenzo, que está a sete pontos de Rossi, tem de superar o italiano para conquistar o terceiro ceptro de MotoGP e a verdade é que começou da melhor forma. Contudo, Rossi, que pode conquistar o oitavo título da categoria rainha e décimo da carreira, não ficou muito atrás ao terminar o dia em quinto, a 0,364s de Lorenzo, mas faça o que fizer partirá sempre de último da grelha no domingo devido à penalização resultante do incidente de Sepang.

Enquanto isso, a segunda melhor marca do dia ficou a cargo precisamente de Marc Márquez. O espanhol da Repsol Honda parece estar determinado a mostrar em pista que o que lá vai, lá vai, e terminou o dia a 0,139s de Lorenzo, se bem que foi o único dos seis primeiros a não melhorar o registo matinal durante a FP2.

Atrás do ainda Campeão do Mundo de MotoGP™ ficou o colega de equipa Dani Pedrosa. A passar por grande momento de forma, o piloto da Repsol Honda assinou a terceira marca, a 0,266s da frente e com 0,067s de margem sobre Andrea Iannone. O italiano voltou a ser o melhor representante da Ducati Team e acabou por superar o compatriota Rossi por 0,031s.

Em sexto ficou outro transalpino. Danilo Petrucci colocou a Ducati da Octo Pramac Racing a um décimo de segundo da M1 de Rossi e à frente de Andrea Dovizioso. O outro piloto da Ducati Team foi um dos nove pilotos da grelha de MotoGP a não conseguir melhorar o andamento durante a tarde, ainda assim logrou superar Pol Espargaró, da Monster Yamaha Tech3, que foi oitavo, a 0,563s de Lorenzo.

Atrás dele ficou o irmão Aleix Espargaró, que assim voltou a colocar a GSX-RR do Team Suzuki Ecstar nos dez primeiros depois de ficar a meros 0,004s de Pol. A fechar o Top 10 ficou o segundo melhor piloto satélite, Cal Crutchlow. O britânico da LCR Honda precisou de mais 0,692s que Lorenzo para efectuar uma volta ao circuito Ricardo Tormo.

Resultados da FP2 de MotoGP™ em Valência; resultados combinados.

Tags:
MotoGP, 2015, GRAN PREMIO MOTUL DE LA COMUNITAT VALENCIANA, FP2, Valentino Rossi, Dani Pedrosa, Marc Marquez, Jorge Lorenzo, Movistar Yamaha MotoGP, #TheGrandFinale

Outras actualizações que o podem interessar ›